Equipes de Eric Jouti e Vitor Ishiy estão próximas de conquistarem seus objetivos no tênis de mesa francês - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Equipes de Eric Jouti e Vitor Ishiy estão próximas de conquistarem seus objetivos no tênis de mesa francês

Compartilhe


Dois brasileiros estão próximos de conquistarem seus objetivos na temporada do tênis de mesa francês. O C’Chartres, equipe de Vitor Ishiy, ultrapassou o Roanne e lidera a Pro B. Já o Istres, time de Eric Jouti, deixou a lanterna na Pro A e está bem perto de garantir a permanência na elite. A última rodada acontece na próxima sexta-feira (21).

Jouti foi peça importante na partida do Istres, nesta terça-feira. Ele só jogou uma vez na derrota do seu time para o La Romagne, por 3 a 2, mas marcou um dos pontos, ao bater Romain Ruiz, por 3 a 0 (11/8, 11/6 e 11/7). O Villeneuve, que estava um ponto na frente, perdeu por 3 a 0 para o Rouen e passou a ter desvantagem de um ponto (23 a 22).

A última rodada tem uma duríssima missão para o Istres na luta pela permanência na divisão de elite. A equipe encara o Jura Morez, vice-líder, que não tem mais chances de título, já que o Le Loups D’Angers assegurou a conquista do troféu na rodada de terça. O Villeneuve, por sua vez, enfrenta o Saint Denis US 93, sétimo colocado. Ao Istres, basta ter o mesmo número de vitórias em confrontos que seu adversário para garantir a permanência.

Na penúltima rodada da Pro B, o C’Chartres derrotou o Bayard Argentan, por 3 a 1. Vitor Ishiy foi poupado no confronto e seu time foi beneficiado pelo Miramas, que venceu duas partidas na derrota de 3 a 2 para o Roanne. C’Chartres e Roanne seguem com o mesmo número de pontos (46), mas a equipe do brasileiro agora tem a vantagem nos critérios de desempate.

O último desafio do C’Chartres será realizado em casa, contra o Thorigne Fouillard, quarto colocado. O Roanne encara o Amiens, terceiro na classificação (3°), jogando fora de casa.

Jessica perde na Suécia

Na Suécia, o time de Jessica Yamada, o Köpings, não teve sucesso na primeira partida do playoff decisivo da liga local. A equipe perdeu para o Eslövs, em casa, por 5 a 2. A brasileira marcou um dos pontos, ao vencer Nomin Baasan, por 3 a 1 (5/11, 11/7, 11/8 e 11/9), mas foi superada outras duas vezes: diante de Fen Li, por 3 a 0 (9/11, 9/11 e 2/11), e contra Filippa Bergrand, por 3 a 1 (10/11, 11/8, 7/11 e 10/11).

Com o resultado, o Köpings precisa vencer duas vezes na sequência dos playoffs, para buscar o troféu. O segundo confronto acontece na sexta (21), às 13h30, com o terceiro jogo marcado para o dia seguinte, às 6h, ambos em Eslöv.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário