Caio Bonfim, Viviane Lyra e Gabriela Muniz medalham na Copa Pan-Americana de marcha atlética - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Caio Bonfim, Viviane Lyra e Gabriela Muniz medalham na Copa Pan-Americana de marcha atlética

Compartilhe

*Atualizado às 23h30 de 07 de maio de 2021, por Wesley Felix

 

O Brasil conquistou três medalhas na Copa Pan-Americana de marcha atlética, disputada nesta sexta-feira (07), em Guayaquil, no Equador. Gabriela Muniz foi ouro nos 10km sub-20 feminino, Caio Bonfim ficou foi prata nos 20km masculino e Viviane Lyra ficou com o bronze nos 20km feminino. Erica Sena também competiu, mas abandonou a competição com dores musculares.


Já com classificado aos Jogos Olímpicos de Tóquio, Caio terminou na segunda colocação dos 20km ao cruzar a linha final com 1h21m41s, cinco segundos atrás do colombiano Eidar Arévalo, que foi o vencedor. O pódio foi completado pelo equatoriano David Hurtado. Os brasileiros Matheus Correa e Lucas Mazzo terminaram na oitava e 12ª colocação, com 1h23m30s e 1h25m42s, respectivamente.


Entre as mulheres, a principal marchadora do Brasil, Érica Sena, que também tem passaporte carimbado a Tóquio-2020, não foi inscrita pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) porque não participou da seletiva nacional para a competição, que aconteceu há duas semanas, em Bragança Paulista. Érica estava em um período de treinamentos em Chula Vista, nos Estados Unidos.


No entanto, ela retornou ao Equador, onda reside atualmente, e aproveitou a oportunidade para participar dos 20km feminino, mesmo não estando inscrita e mesmo que seus resultados não fossem válidos. Érica até vinha bem, mas acabou deixando a competição no km 14, por um incômodo no músculo posterior da coxa.


Apesar disso, sua compatriota brilhou e foi bronze. Viviane Lyra foi a terceira colocada da prova com 1h34m56s, pouco mais de quatro minutos mais lenta do que a líder Paola Perez, do Equador. Outra atleta da casa subiu ao pódio, Karla Jaramillo, que registrou 1h29m21s. Outra brasileira, Emily Pistor acabou na 13ª colocação.


Gabriela Muniz venceu a prova sub-20 dos 10km feminino com 47m49s17, cerca de sete segundos a frente da mexicana Sofia Elizabeth Ramos, que ficou com a prata. A guatemalteca Yaquein Jeronimo foi bronze. Já Gabrielly Cristina e Bruna Batista acabaram em nono e em 12º, respectivamente. Entre os homens, Heron Rodrigues Miranda foi o sexto, com 45m41s51.


Nas disputas mais longas, somente três dos cinco atletas brasileiros que iniciaram as provas, finalizaram. Max Batista foi o quarto colocado nos 50km, enquanto Paulina Raissa foi a sétima nos 35km, seguida por Elisangela Pereira, que foi oitava. José Alessandro Bagio e Rudney Dias Nogueira foram os desistentes.


Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário