Brasil disputa Aberto da FIBA de eSports em busca do seu primeiro título do basquete nos videogames - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Brasil disputa Aberto da FIBA de eSports em busca do seu primeiro título do basquete nos videogames

Compartilhe




A Seleção Brasileira de eSports está novamente reunida e entra em ação entre os dias 7 e 9 de maio para a disputa do III FIBA OPEN de eSports, na Conferência da América do Sul. O Brasil está no Grupo 2, ao lado de Venezuela e Chile. O Grupo 1 conta com Argentina, Uruguai, Guiana e Colômbia. 

Com o novo formato, as equipes se enfrentam dentro das chaves e as duas melhores avançam para as semifinais, que serão jogadas em melhor de três partidas. A final também acontece em melhor de três. A Argentina é a atual campeã da Conferência da América do Sul.

O FIBA OPEN de eSports não para de crescer. O torneio surgiu em 2019, e de lá para cá, em sua terceira temporada, amplia ainda mais o número de seleções participantes, atingindo 60 de todo o mundo. Para essa edição, além da conferência da América do Sul, participam a Ásia, África, Oriente Médio, América do Norte e Central e a Europa.

Em algumas Conferências a situação já está resolvida, como no Oriente Médio, em que a Arábia Saudita venceu pela segunda vez seguida, na África, onde os egípcios levaram o torneio, e o campeonato do sudeste asiático - vencido pelas Filipinas.

Assim como nas demais edições, o FIBA OPEN estará disponível nos canais digitais da FIBA com os jogos ao vivo no Facebook, Twitch e Youtube.

Pela primeira vez, as conferências das Américas do Norte e Central e a Europa vão jogar o torneio em duas divisões: a com o console PS4 e a no novíssimo PS5, denominadas de geração atual (PS4) e geração do futuro (PS5).

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário