Hideki Matsuyama conquista o Masters 2021 e se torna o primeiro homem japonês campeão de Major - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Hideki Matsuyama conquista o Masters 2021 e se torna o primeiro homem japonês campeão de Major

Compartilhe

Um dia histórico para o esporte japonês. O país-sede dos Jogos Olímpicos tem agora um homem campeão de Major. Isso porque Hideki Matsuyama conquistou neste domingo (11), o título do Masters Tournament 2021. E essa conquista é muito simbólica. Até então, o Japão tinha apenas dois títulos de Major, ambos no golfe feminino, com Chako Higuchi (LPGA Championship-1977) e Hinako Shibuno (Women’s British Open-2019). 

De quebra, Matsuyama se torna o segundo homem asiático a conquistar um título de Major. Anteriormente, apenas o sul-coreano Yang Yong-eun havia vencido um torneio deste nível, no PGA Championship de 2009, batendo Tiger Woods na ocasião. 

O melhor resultado de um golfista japonês em Major masculino até então, era de Isao Aoki, vice-campeão (solo) no US Open de 1980. Em 2017, Matsuyama ficou a quatro tacadas do título do US Open (empatado em 2º com Brian Harman), que foi vencido por Brooks Koepka. 

A conquista de Matsuyama abre grandes expectativas para o público japonês nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Em 2011 ele ganhou duas medalhas de ouro na Universíada de Shenzhen, na China, tanto no individual, como na competição por equipes. 

Agora Matsuyama chega ao seu 14º título como profissional, sendo que cinco deles foram em eventos válidos pelo PGA Tour. Sua última conquista tinha sido alcançada em agosto de 2017, no WGC-Bridgestone Invitational

O jogo 

Resumindo a volta desta quarta rodada, é possível dizer que Matsuyama jogou com ‘o regulamento embaixo do braço’. Não fez uma apresentação brilhante, mas teve muita segurança na maioria de suas tacadas, mantendo por algum tempo três ou quatro tacadas de vantagem na liderança. 

Ele concluiu o difícil percurso deste domingo com 73 tacadas, ao disparar quatro birdies e cinco bogeys. Em quatro dias de Masters, ele efetuou 278 jogadas (69-71-65-73), 10 abaixo da previsão e um de vantagem para o segundo colocado. 

O vice-campeonato ficou com o golfista estadunidense Will Zalatoris, estreante no Masters. Ele efetuou 70 tacadas neste domingo e ficou isolado na segunda colocação, com nove abaixo. Esse é seu primeiro ano no PGA Tour, sendo que em 2020 ele ainda disputava o Korn Ferry Tour. 

A terceira posição do Masters ficou dividido entre os golfistas estadunidenses Jordan Spieth e Xander Schauffele, ambos com -7. 

Foto: Sam Greenwood/Augusta National 

Nenhum comentário:

Postar um comentário