Campeã olímpica, snowboarder Chloe Kim diz que recebe dezenas de ofesnsas por ser de origem asiática - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Campeã olímpica, snowboarder Chloe Kim diz que recebe dezenas de ofesnsas por ser de origem asiática

Compartilhe

A snowboarder Chloe Kim (USA) falou em entrevista para a ESPN dos Estados Unidos que sofre com o ódio contra asiáticos nas redes sociais.


Kim, de 20 anos, é nascida nos Estados Unidos e filha de sul-coreanos. A estadunidense conquistou o título olímpico no Halfpipe em 2018 e o mundial em 2019 e 2021.


Na entrevista, Kim falou que: "Mesmo que tenha conquistado uma medalha olímpica, não quer dizer que eu esteja protegida contra o racismo. Provavelmente recebo mensagens de ódio 30 vezes por dia."


A atleta tem sido perseguida pelo ódio aos asiáticos de 2014, quando ganhou os X-Games. Segundo Kim, mandaram mensagens pra ela dizendo para voltar pra China e deixar as medalhas para as loiras.


Segundo a estadunidense, o ódio aumentou com a pandemia da COVID-19 e o discurso do ex-presidente Donald Trumo sobre o vírus chinês. Quando ela precisa ir ao shopping, tem que levar uma faca na bolsa, spray de pimenta e uma arma de eletrochoque para se defender.


Foto: AFP

Nenhum comentário:

Postar um comentário