Húngara campeã olímpica no tiro esportivo em Atenas 2004 morre de Covid-19 - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Húngara campeã olímpica no tiro esportivo em Atenas 2004 morre de Covid-19

Compartilhe


A atiradora Diana Igaly (HUN), campeã olímpica em Atenas 2004, faleceu na última quinta-feira (8) em Budapeste, capital da Hungria, vítima da Covid-19.


Igaly, de 56 anos, competiu em quatro edições de Jogos Olímpicos. A atiradora foi ouro na prova do skeet feminino em Atenas e bronze na mesma prova em Sidney 2000. Além das medalhas olímpicas, a húngara conquistou quatro títulos mundiais e cinco ouros em campeonatos europeus. Hoje, Igaly era a atual vice-presidente da Federação Húngara de Tiro Esportivo


Surte + Índia define sua equipe no tiro esportivo em Tóquio 2020


Após a confirmação da morte de Igaly, a Federação se manifestou e disse que a atleta era uma lenda do esporte. A Federação Internacional de Tiro Esportivo (ISSF) também soltou um comunicado.


"Sua morte representa uma perda insubstituível para o nosso esporte. Sua vasta experiência, conhecimento, sabedoria será muito difícil de recuperar, se isso for possível", disse a ISSF.


Com apenas três erros em Atenas, Igaly se tornou a primeira húngara campeã olímpica na modalidade.


Foto: Divulgação/Atenas 2004

Nenhum comentário:

Postar um comentário