Brasil termina Seletiva Olímpica com 18 nadadores classificados para Tóquio 2020 - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Brasil termina Seletiva Olímpica com 18 nadadores classificados para Tóquio 2020

Compartilhe

O Brasil já tem pelo menos 18 nadadores garantidos nos Jogos Olímpicos de Tóquio. No último dia da Seletiva Olímpica de Natação, mais dois nadadores se classificaram: Matheus Gonche, nos 100m borboleta, e Gabriel Santos, nos 100m livre. A delegação brasileira ainda pode aumentar com a classificação dos revezamentos femininos e do 4x100m medley misto tendo que esperar até o final de maio para a confirmação das vagas. Abaixo, um resumo das provas deste sábado à noite, no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro.

50m livre feminino

Recorde Brasileiro - Etiene Medeiros 24.45 (2016)
Índice Olímpico - 24.77

1. Lorrane Ferreira 24.84 PB
2. Etiene Medeiros 24.90
3. Larissa Oliveira 25.30
4. Alessandra Marchioro 25.41
5. Stephanie Balduccini 25.53 PB
6. Priscila Cavalcante 25.87

Lorrane Ferreira venceu os 50m livre feminino com uma nova marca pessoal, 24.84. A nadadora ficou a sete centésimos do índice olímpico. Etiene Medeiros terminou na segunda colocação, novamente nadando abaixo de 25 segundos. A campeã mundial dos 50m costas não conseguiu índice olímpico em nenhuma prova individual e só poderá ir para os Jogos Olímpicos através dos revezamentos. Stephanie Balduccini melhorou mais uma marca pessoal e, dessa vez, quebrando o recorde brasileiro júnior dos 50m livre feminino.

50m livre masculino

Recorde Brasileiro - César Cielo 20.91 (2009)
Índice Olímpico - 22.01

1. Pedro Spajari 22.04
2. Victor Alcará 22.07
3. Nicholas Santos 22.21
4. Luiz Gustavo Borges 22.29
4. Lucas Peixoto 22.29 PB
4. Marcelo Chierighini 22.29
7. Marco Antonio Ferreira 22.50
8. Felipe Ribeiro 22.55

O 50m livre masculino teve vitória de Pedro Spajari, com 22.04, três centésimos acima do índice olímpico. Como nenhum atleta superou o tempo de classificação na final de hoje, o Brasil terá apenas Bruno Fratus nadando os 50m livre em Tóquio. Fratus mora nos Estados Unidos e recebeu autorização da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) para usar o tempo (21.80) feito em uma competição na Califórnia para a classificação olímpica.

200m costas feminino

Recorde Brasileiro - Fernanda Goeij 2:11.95 (2019)
Índice Olímpico - 2:10.39

1. Fernanda Goeij 2:13.13
2. Natália de Luccas 2:16.12
3. Gabriela Mello 2:18.26
4. Fernanda Celidônio 2:22.25

Fernanda Goeij venceu os 200m costas feminino com um tempo de 2:13.13. A nadadora ficou quase três segundos acima do índice olímpico.

100m borboleta masculino

Recorde Brasileiro - Gabriel Mangabeira 51.02 (2009)
Índice Olímpico - 51.96

1. Matheus Gonche 51.94 PB
2. Kayky Mota 52.11 PB
3. Vinícius Lanza 52.36
3. Victor Baganha 52.36 PB
5. Bernardo Almeida 52.63
6. Gabriel Dias 52.74 PB
7. Pedro Vieira 52.81
8. Leonardo de Deus 52.96




Matheus Gonche venceu os 100m borboleta masculino com 51.94, garantindo uma vaga em Tóquio. Matheus teve um bom desempenho na seletiva, abaixando seu melhor tempo pessoal na eliminatória e na final. Antes da competição, sua marca era 52.67, de 2017.

800m livre feminino

Recorde Brasileiro - Joanna Maranhão 8:32.96 (2009)
Índice Olímpico - 8:33.36

1. Gabrielle Roncatto 8:39.26 PB
2. Ana Marcela Cunha 8:41.64
3. Beatriz Dizotti 8:42.36 PB
4. Betina Lorscheitter 8:42.95 PB
5. Sofia Rondel 8:57.38 PB
6. Maria Eduarda Seifer 9:01.09
7. Maria Paula Heitmann 9:05.79

A última prova individual da seletiva foi vencida por Gabrielle Roncatto. Ela completou os 800m livre em 8:39.26. A marca é a melhor da vida da nadadora. Beatriz Dizotti e Betina Lorscheitter, únicas brasileiras classificadas até o momento aos Jogos Olímpicos na natação, também fizeram uma boa prova, abaixando seus melhores tempos.

Tomada de tempo - 100m livre masculino


Recorde Brasileiro - César Cielo 46.91 (2009)
Índice Olímpico - 48.55

1. Gabriel Santos 48.49

Gabriel Santos tinha ficado em nono lugar nas eliminatórias dos 100m livre e ficou de fora da final. Mas como André Calvelo foi suspenso preventivamente por uma suspeita de doping e teve resultados anulados na seletiva, Gabriel recebeu uma chance de uma nova tomada de tempo, já que não pode participar da final. O nadador fez 48.49, abaixo do índice olímpico e garantindo uma vaga na prova individual e no revezamento 4x100m livre, que também terá Pedro Spajari, Breno Correia e Marcelo Chierighini.

Revezamento 4x100m medley feminino

Na tomada de tempo do revezamento 4x100m medley feminino, a equipe brasileira conseguiu um tempo de 4:04.33. Com o resultado o Brasil subiu para o oitavo lugar no ranking das equipes ainda não classificadas para os Jogos Olímpicos.

Nadadores brasileiros classificados para Tóquio 2020

Feminino:
Beatriz Dizotti: 1500m livre
Betina Lorscheitter: 1500m livre

Masculino:
Bruno Fratus: 50m livre
Guilherme Costa: 400m e 800m livre
Felipe Lima: 100m peito e 4x100m medley (peito)
Fernando Scheffer: 200m livre e 4x200m livre
Breno Correia : 200m livre, 4x100m e 4x200m livre
Murilo Sartori: 4x200m livre
Luiz Altamir: 4x200m livre
Guilherme Basseto: 100m costas e 4x100m medley (costas)*
Guilherme Guido: 100m costas
Leonardo de Deus: 200m borboleta
Pedro Spajari: 100m livre, 4x100m livre e 4x100 medley (livre)*
Marcelo Chierighini: 4x100m livre
Caio Pumputis: 200m medley
Vinícius Lanza: 200m medley
Gabriel Santos: 100m livre e 4x100m livre
Matheus Gonche: 100m borboleta

*Por terem vencido as provas individuais, Pedro Spajari e Guilherme Basseto serão convocados para o 4x100m medley, mas podem ser substituidos por outros nadadores da equipe por decisão da comissão técnica da CBDA

Fotos: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Nenhum comentário:

Postar um comentário