Guilherme Toldo avança no Grand Prix de Florete e garante vaga em Tóquio-2020 - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Guilherme Toldo avança no Grand Prix de Florete e garante vaga em Tóquio-2020

Compartilhe


O Brasil já tem 198 atletas garantidos nos Jogos Olímpicos de Tóquio! O país chegou à marca na manhã desta sexta-feira (26), com a classificação do esgrimista Guilherme Toldo, que conquistou a vaga após chegar à última fase preliminar do Grand Prix de Florete, em Doha (QAT), a última competição da corrida olímpica da modalidade.


Natural de Porto Alegre, Toldo se classificou com a cota continental das Américas disponibilizada pelo ranking mundial. Ele já estava numa situação muito confortável antes da competição catari, sendo o número 26 do mundo. Como os Estados Unidos e o Canadá já têm suas equipes garantidas, os desempenhos desses atletas são desconsiderados na contagem individual do ranking olímpico.


Guilherme já era, portanto, o primeiro colocado do continente sob os critérios estabelecidos pela federação internacional. O único esgrimista que poderia roubar sua vaga era o venezuelano Victor Leon, que aparecia na 66ª posição. As chances de não classificação do brasileiro, porém, eram muito remotas, já que ele precisaria ser eliminado ainda nos poules e o adversário deveria conquistar o título. 


A fim de espantar qualquer tipo de zebra, Toldo entrou focado no Grand Prix e fez uma boa campanha. Ele venceu quatro de seus seis jogos da poule: passou pelo italiano Damiano Rosatelli (5-4), pelo indiano Bicky Thokchom (5-0), pelo suíço Remi Brunner (5-0) e pelo croata Ivam Komsic (4-3). Suas derrotas foram sofridas para o polonês Leszek Rajski (5-2) e para o honconguês Ng Lok Wang Lawrence (5-4).


Com os resultados, o brasileiro ficou com a segunda melhor campanha de seu grupo, encerrando a fase inicial na 40ª colocação geral entre 134 atletas. O posicionamento o fez avançar automaticamente à fase T64 (última rodada mata-mata antes da chave principal) - onde bateu o turco Martino Minuto por 15 a 7 e avançou à chave principal - além de ter carimbado o passaporte para a Olimpíada.


Aos 28 anos, Guilherme Toldo vai para a sua terceira edição olímpica da carreira, após ter disputado Londres-2012 e Rio-2016. Vale lembrar que ele é, ao lado de Nathalie Moellhausen, dono da melhor campanha da esgrima brasileira em Jogos Olímpicos, um oitavo lugar na Rio-2016. Assim como Toldo, Moellhausen também já se garantiu em Tóquio.


Surte +: Gosta de nosso trabalho? Participe da campanha em prol do jornalismo esportivo independente e Ajude o Surto Olímpico ir a Tóquio!


Foto de capa: Arquivo/REUTERS

Nenhum comentário:

Postar um comentário