Luisa Stefani e Bruno Soares firmam parceria e Brasil volta a ter dupla mista após quase 30 anos - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Luisa Stefani e Bruno Soares firmam parceria e Brasil volta a ter dupla mista após quase 30 anos

Compartilhe

Após quase 30 anos, um Grand Slam voltará a ter uma dupla mista 100% brasileira. Isso porque Bruno Soares e Luisa Stefani firmaram uma parceria para disputar a chave do Australian Open de 2021. A última vez que isso aconteceu foi em Roland Garros 1991, quando Cassio Motta e Claudia Chabalgoity caíram na primeira rodada do torneio. 


Enquanto o mineiro já tem três títulos de Major nas duplas mistas (US Open 2012, US Open 2014 e Australian Open 2016), a paulista fará sua estreia nesta categoria em Grand Slams. 


Surte +Ashleigh Barty volta às quadras com o título do WTA 500 Yarra Valley Classic


A união das forças brasileiras poderá ser promissora. Bruno Soares (5º) conquistou neste domingo, ao lado de Jamie Murray, o título do ATP 250 de Melbourne 1 (Great Ocean Road), e Luisa Stefani vive a melhor fase de sua ainda curta carreira, e ocupa a 31ª colocação do ranking mundial das duplas. 


O sorteio do quadro das duplas mistas ainda não aconteceu, mas existe a possibilidade de que Soares e Stefani figurem entre os cabeças de chave do torneio. 


A última vez em que uma dupla mista 100% brasileira chegou à final de um Grand Slam foi em 1982, quando Cássio Motta e Cláudia Monteiro perderam a decisão de Roland Garros para John Lloyd (GBR) e Wendy Turnbull (AUS). 


Surte +Rússia dá show com Rublev e Medvedev e conquista título da ATP Cup 2021


Foto: Reprodução


Nenhum comentário:

Postar um comentário