Faltando 1 ano para Pequim 2022, Time Brasil mira evolução nos esportes de inverno - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Faltando 1 ano para Pequim 2022, Time Brasil mira evolução nos esportes de inverno

Compartilhe



A contagem regressiva começou. Daqui a exatamente um ano, o Time Brasil estará na China iniciando sua participação nos Jogos Olímpicos de Inverno Pequim 2022. O evento promete ser histórico, pois pela primeira vez uma cidade que já abrigou a edição de verão (2008) sediará também os Jogos de Inverno, entre os dias 4 e 20 de fevereiro.


Após levar dez atletas a PyeongChang 2018, quando teve a terceira maior delegação das Américas – atrás somente de EUA e Canadá –, o Brasil espera dar sequência ao seu processo de evolução nos esportes de inverno em 2022.


“O COB valoriza a participação brasileira nos Jogos Olímpicos de Inverno e a delegação brasileira mostra uma evolução constante a cada edição do evento. Estamos trabalhando em conjunto com as Confederações Brasileiras de Desportos no Gelo e na Neve para dar suporte a mais uma boa performance dos atletas brasileiros em Pequim, daqui a exatamente um ano”, disse o presidente do COB, Paulo Wanderley.


Os Jogos de Pequim terão 109 provas, de 15 modalidades, divididos em esportes de gelo e de neve. Este ano os atletas brasileiros vão em busca da vaga olímpica, a partir do planejamento elaborado pela Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN) e pela Confederação Brasileira de Desportos no Gelo (CBDG), em conjunto com o COB.


“A CBDN já iniciou sua preparação para os Jogos há muito tempo. Elaboramos um planejamento com os nossos atletas voltado à alta performance. Organizamos uma série de treinamentos, e a temporada de competições na neve começou no final de 2020. Já o nosso circuito de roller ski, em São Carlos (SP), respeitou as restrições impostas pela pandemia e pretendemos repeti-lo este ano”, explicou o presidente da CBDN, Anders Pettersson.


“Os Jogos Olímpicos são um evento único na carreira de um atleta. Diante dos desafios que o atual momento nos impõe, a CBDG está com foco total na preparação dos atletas, de forma que o Brasil possa estar representado pelo maior número de modalidades e também possa atingir os melhores resultados da história. Será um ano de muito trabalho pela frente”, afirmou o presidente da CBDG, Matheus Figueiredo, que apontou ainda as chances de classificação do Time Brasil nos esportes no gelo: “bobsled (masculino e feminino), skeleton, patinação artística, patinação velocidade e curling”.


O Brasil fez sua estreia nos Jogos Olímpicos de Inverno em Albertville 1992, quando foi representado por sete atletas, todos do esqui alpino. Pequim 2022 será a nona participação brasileira no evento.


Foto: REUTERS

Nenhum comentário:

Postar um comentário