Campeã olímpica Sarah Sjostrom quebra cotovelo em tombo no gelo e pode ficar fora dos jogos de Tóquio - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Campeã olímpica Sarah Sjostrom quebra cotovelo em tombo no gelo e pode ficar fora dos jogos de Tóquio

Compartilhe


A nadadora sueca Sarah Sjostrom, uma das principais de seu país, sofreu um escorregão no gelo em Estocolmo no último domingo (07) e quebrou o cotovelo. O grave acidente pode até deixá-la de fora dos Jogos de Tóquio, mas ela se mostrou confiante nas redes sociais de que estará presente na capital japonesa para conquistar mais medalhas olímpicas.


"Infelizmente, recebi más notícias nesta manhã de neve em Estocolmo. Ontem, escorreguei feio no gelo e quebrei o cotovelo ao cair no chão. Eu me sinto devastada, mas ao mesmo tempo estou determinada e motivado para voltar mais forte do que nunca", publicou ela. 


Surte+: Guilherme Costa mantém foco na piscina, mas quer vaga na Maratona Aquática para "nadar todas as provas que puder" em Tóquio


Segundo o médico que a operou, Rene Tour, a previsão de recuperação da fratura é de aproximadamente três meses. No entanto, como a lesão envolve uma área do corpo importante na prática da natação, o período de recuperação pode ser maior.


"É cedo para dizer se vai estar apta para os Jogos Olímpicos. Mas se há alguém forte mentalmente, é ela. O foco está agora no tratamento, que terá de ser feito com toda a cautela. É necessário voltar a ganhar força naquela área do corpo, porque é fundamental na prática da natação", explicou ela.


Sarah tem três medalhas olímpicas na carreira, todas conquistadas nos no Rio de Janeiro (ouro nos 100m borboleta, prata nos 200m livre e bronze nos 100m livre), e é considerada uma das grandes favoritas nas provas de velocidade do nado livre e borboleta, suas especialidades, em Tóquio. 


Ela, que tem 27 anos, também é a nadadora com o maior número de recordes mundiais na atualidade (seis): 50m e 100m livre, 50m e 100m borboleta (piscina longa), 200m livre e 100m borboleta (piscina curta).


Foto: Mike Lewis/ Ola vista photography

Nenhum comentário:

Postar um comentário