Três partidas abrem a edição 2021 da Copa Brasil de Vôlei feminino - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Três partidas abrem a edição 2021 da Copa Brasil de Vôlei feminino

Compartilhe



A Copa Brasil feminina de vôlei 2021 terá início nesta terça-feira (19) com três partidas pelas quartas de final. Dois confrontos começarão às 19h. O Minas jogará com o Pinheiros (SP), na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) e o SESC Flamengo medirá forças com o SESI Bauru, no ginásio Hélio Maurício, na Gávea (RJ). Na sequência, às 19h30, o Praia Clube enfrentará o São Paulo/Barueri, na Arena Praia, em Uberlândia (MG).

A Copa Brasil reúne os oito melhores classificados no primeiro turno da Superliga Banco Do Brasil 20/21. As equipes se enfrentarão na primeira fase em cruzamento olímpico (1º x 8º, 2º x 7º, 3º x 6º e 4º x 5º). O campeão da competição garantirá vaga no Sul-Americano de clubes e na Supercopa em 2021.

Minas (1º) x Pinheiros (8º)

No Minas, o treinador Nicola Negro está confiante em uma boa apresentação do time de Belo Horizonte. Negro ressaltou a importância de cometer o menor número de erros no duelo contra o Pinheiros.

“Chegamos para esse jogo com muito entusiasmo e queremos fazer uma boa partida. Será um jogo difícil onde não é permitido cometer erros. Por ser uma partida eliminatória, quem errar menos avança para próxima fase. Este é o nosso objetivo e estamos preparados para buscá-lo”, garantiu Nicola Negro.

Do outro lado da rede, o técnico Reinaldo Bacilieri, do Pinheiros, acredita que o time paulista pode surpreender a equipe mineira.

“A vaga na Copa Brasil ratifica a conquista de mais um objetivo na temporada, uma vez na competição, sabemos que o Itambé/Minas é o favorito no confronto, mas nosso crescimento como equipe vem ocorrendo jogo a jogo e esperamos dar mais um passo neste sentindo e quem sabe surpreender conquistando uma vaga para as semifinais”, disse Reinaldo Bacilieri.

SESC Flamengo (4º) x SESI Bauru (5º)

No SESC Flamengo, a capitã Amanda destaca o equilíbrio entre as equipes e fala da expectativa para o confronto.

“Jogo importante para as duas equipes e sabemos que será um embate duro. O último jogo entre os times foi um 3 sets a 2 (vitória do Sesi Vôlei Bauru na Superliga feminina) e uma partida muito intensa. Estamos focadas em fazer uma boa partida, avaliando e estudando os dados do último jogo, para que possamos fazer uma partida melhor, com menos erros e aproveitando as oportunidades”, afirmou Amanda.

No SESI Bauru, o treinador Rubinho acredita no equilíbrio da partida e destaca o poder defensivo do time carioca.

“Esperamos um confronto difícil como foi a última partida. O Sesc RJ Flamengo é uma equipe qualificada com um poder defensivo muito forte. Vamos precisar ter bastante paciência para jogar com o time carioca. Teremos que nos preparar para esse tipo de jogo, sabendo que pode ser uma partida longa, jogando o tempo todo em uma condição de jogo alta, com menos oscilações. Será um jogo equilibrado entre duas boas equipes, com bons elencos. Espero paridade e sair com o resultado positivo para o nosso lado nessa competição importante que é a Copa Brasil”, explicou Rubinho.

Praia Clube (3º) x São Paulo/Barueri (6º)

No último confronto do dia, a levantadora Claudinha, do Praia Clube, chama a atenção para o saque no duelo contra o São Paulo/Barueri.

“Esperamos uma partida difícil. O São Paulo/Barueri vem apresentando muito evolução e vem de uma vitória contra o Osasco na Superliga. Estamos preparadas para tudo, jogar bem taticamente é muito importante, nosso saque será um ponto importantíssimo para tentar tirar um pouco da velocidade do jogo delas. O fundamental é pensar na evolução da nossa equipe a cada partida”, disse Claudinha.

Pelo lado do São Paulo/Barueri, a levantadora Jacke comentou sobre o momento atual do time do treinador José Roberto Guimarães que venceu o Osasco São Cristóvão Saúde na última sexta-feira (15.01) por 3 sets a 1 pela Superliga.

“Ficamos felizes com a vitória contra Osasco, mas passou, foi um jogo muito importante para nós, porém agora trabalhamos para continuar crescendo e melhorando. Jogaremos contra o Praia Clube pela Copa Brasil e, apesar de ser um campeonato diferente, é a continuação do mesmo trabalho que fazemos”, analisou Jacke, que destacou ainda a busca por regularidade.

“Estamos concentradas para manter a regularidade que tivemos nos últimos jogos para seguir taticamente o que é estabelecido, pois sabemos que que será um jogo muito importante para nós. Nosso objetivo primeiramente e colocar em prática o que temos treinado e fazer um bom jogo”, afirmou Jacke.

Nenhum comentário:

Postar um comentário