Rússia confirma que não apelará sobre restrições da equipe olímpica - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Rússia confirma que não apelará sobre restrições da equipe olímpica

Compartilhe

 


A Agência Antidoping Russa (RUSADA) confirmou na última segunda-feira (25) que não entrará com um recurso para afrouxar ainda mais as restrições às suas equipes nas Olimpíadas e em outros grandes eventos esportivos.

O Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) decidiu no mês passado que o nome, a bandeira e o hino da Rússia seriam barrados nos próximos Jogos Olímpicos (Paris 2024 e Los Angeles 2028) após apoiar a conclusão da Agência Mundial Antidoping  (WADA) de que os dados de doping foram manipulados.

No entanto, o CAS reduziu pela metade a duração das sanções de quatro para dois anos, removeu os requisitos de vetting para atletas russos e permitiu que eles continuassem usando as cores nacionais.

A agência russa, conhecida como RUSADA, tinha a opção de entrar com um recurso no supremo tribunal suíço por motivos processuais. Ele disse na segunda-feira que ainda considera a decisão de que os dados de doping em Moscou foram modificados como "falhos e unilaterais", mas ficou satisfeito com o fato de o CAS rejeitar sanções mais duras propostas pela WADA.

“A RUSADA considera que este capítulo foi encerrado e espera trabalhar com a WADA com o objetivo de restaurar totalmente o status de membro da RUSADA”, disse a agência russa em um comunicado.

RUSADA acrescentou que “permanece totalmente comprometida com a luta contra o doping, mas continuará a defender os direitos dos atletas russos limpos e a se opor a qualquer forma de discriminação contra o esporte russo”.

O Ministro Esportes russo, Oleg Matytsin, parecia apoiar a decisão.

“Respeitamos a decisão da RUSADA”, disse Matytsin em comentários relatados pela agência de notícias estadual Tass. “Da nossa parte, faremos tudo para que o esporte russo seja limpo, implementar plenamente os programas educacionais, cooperar com as federações, as regiões e o Comitê Olímpico Russo, bem como com organizações internacionais em suas áreas de competência, a fim de garantir o desenvolvimento limpo do esporte russo e a inadmissibilidade do doping ”.

Foto: AP/Alexander Zemlianchenko

Nenhum comentário:

Postar um comentário