Em meio a afastamento do presidente da confederação, seleção masculina de handebol é convocada para o Mundial - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Em meio a afastamento do presidente da confederação, seleção masculina de handebol é convocada para o Mundial

Compartilhe


Um dia após o presidente da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) Ricardo Souza, o Ricardinho,  pedir afastamento de 30 dias por "problemas médicos", a seleção masculina foi convocada nesta quarta-feira (9) para o Campeonato Mundial da modalidade, a ser disputado em janeiro de 2021, no Egito. O segundo vice-presidente Jefferson Oliveira assume interinamente a entidade.


Segundo o blog Olhar Olímpico, o presidente se afastou do cargo para que a CBHb pudesse receber recursos do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e a seleção possa disputar o Mundial. Ricardinho já não era reconhecido pelo COB como presidente da CBHb, por conta da punição dada a ele por assédio sexual e moral pelo Comitê de Ética do COB. 


Por conta do escândalo, a confederação teve os recursos financeiros bloqueados e, atualmente, não teria condições próprias de enviar uma equipe ao Egito, para a disputa do Mundial. No entanto, ainda segundo o blog de Demétrio Vecchioli, o recurso da Lei Agnelo/Piva pode não ser liberado, já que o COB informou que o repasse só voltará a ser liberado quando Ricardinho for afastado definitivamente.


É bom lembrar que o dirigente está substituindo interinamente Manoel Oliveira, afastado da presidência por decisão judicial por conta dívidas feitas quando o Brasil sediou o Mundial de Handebol feminino em 2011. A CBHb tem eleições marcadas para 1º de fevereiro de 2021.


Tentando ficar alheio à toda essa crise, o técnico Marcus Tatá anunciou uma lista com 20 atletas para o Mundial (a IHF autorizou a convocação de mais dois jogadores por conta da pandemia). As maiores surpresas são a volta do experiente goleiro Maik e de Leo Dutra. Oswaldo, contundido, ficou de fora. Já nomes como Tchê, Raul Nantes e Cesar Bombom não foram chamados (confira todos os nomes abaixo).


A previsão de apresentação da seleção é 27 de dezembro. O Brasil estreia no Mundial contra a Espanha, em 15 de janeiro. Depois, enfrenta a Tunísia, no dia 17, e encerra a primeira fase frente a Polônia, em 19 de janeiro. Confira abaixo a lista de convocados:


Goleiros: Maik Santos (Taubaté), Leonardo Ferrugem (BM Benidorm-ESP), Rangel Rosa (BM Logroño-ESP)

Pontas direitas: Fábio Chiuffa (HC Dobrogea-ROU), Rudolph Hackbarth (BM Logroño-ESP)

Laterais esquerdos: Thiagus Petrus e Haniel Langaro (Barcelona-ESP), Leo Dutra (Wisla Plock-POL) e Thiago Ponciano (BM Cuenca-ESP)

Centrais: Pedro Pacheco (Tatran Presov-SVK), Henrique Teixeira (CSM Bucaresti-ROU), João Silva (BM Puente Genil-ESP)

Laterais direitos: José Toledo (CS Baía Mare-ROU), Gustavo Rodrigues (Pontault Combault-FRA) e Gabriel Ceretta (BM Logroño-ESP)

Pontas esquerdos: Felipe Borges (US Créteil-FRA) e Cléber Andrade (Taubaté)

Pivôs: Rogério Moraes (Veszprém-HUN), Vinicius Teixeira (Taubaté) e Matheus Silva (BM Bidasoa-ESP) 


Foto: IHF/Divulgação


Nenhum comentário:

Postar um comentário