Campeão mundial júnior de canoagem recebe suspensão de quatro anos por doping - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Campeão mundial júnior de canoagem recebe suspensão de quatro anos por doping

Compartilhe

O húngaro Andras Redl, dono de duas medalhas de ouro no Campeonato Mundial Júnior de Canoagem de Velocidade, disputado em 2019, recebeu uma suspensão de quatro anos após testar positivo para EPO. Esse medicamento proibido provoca o aumento da capacidade de oxigenação dos músculos, devido a maior produção de células vermelhas no sangue.

O atleta de 19 anos foi reprovado em um exame antidoping fora de competição, conduzido pela Agência Antidoping Húngara, em julho. A punição aplicada tem validade do dia 23 de julho deste ano até 22 de julho de 2024, de acordo com informações divulgadas pela Federação Internacional de Canoagem (ICF).

Com isso o Redl também deverá ficar de fora dos Jogos Olímpicos de Paris, em 2024, já que a suspensão terminará apenas quatro dias antes do início do evento. 

Redl conquistou medalhas de ouro nas provas da categoria K1 500 metros e 1000m durante o ICF Sub-23, assim como no mundial júnior da modalidade.

O presidente do Comitê Médico e Antidoping do ICF, Dr. Don McKenzie, alertou para casos de doping de atletas jovens. 

"Eles não só serão pegos e, como resultado, terão suas carreiras esportivas arruinadas, mas também poderão enfrentar sérias implicações para a saúde, especialmente para os atletas mais jovens". 

Dentro de 21 dias, Redl poderá apelar da decisão no Tribunal Arbitral do Esporte (CAS). 

Foto: MKKSZ

Nenhum comentário:

Postar um comentário