Com lance em gol contra a Coreia do Sul, Matheus Cunha e Reinier comentam entrosamento na seleção Olímpica de Futebol masculino - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Com lance em gol contra a Coreia do Sul, Matheus Cunha e Reinier comentam entrosamento na seleção Olímpica de Futebol masculino

Compartilhe




Matheus Cunha e Reinier se conheceram durante o Torneio Pré-Olímpico de Futebol masculino em janeiro deste ano. A dupla ajudou o Brasil na conquista da vaga para o Jogos Olímpicos. De volta à seleção Olímpica na primeira convocação após a pausa por conta da pandemia, os dois mostraram que o entrosamento está em dia na jogada do terceiro gol brasileiro contra a Coreia do Sul no último sábado (14), no Egito. 


"Desde o Pré-Olímpico a gente vem se conhecendo o melhor, conversamos pela internet, jogamos o mesmo campeonato (Bundesliga). Vamos seguir trabalhando e continuar com essa nossa parceria muito boa", comentou Reinier, o autor do gol após a linda troca de passes. 


Artilheiro da Seleção Olímpica, com 15 gols, Matheus Cunha emendou brincando com o companheiro em entrevista à CBF TV: 


"Ele é muito chato, mas é um grande jogador! Como ele disse, jogamos na mesma liga. Sempre que eu posso eu tenho que ajudar ele a fazer gol, porque ele não gosta muito", provocou o bem humorado Cunha. 


Reinier então explicou com detalhes a combinação de passes no lance do gol e o revezamento de posições no ataque entre ele e o camisa 9: 


"Desde o Pré-Olímpico temos essa combinação. Quando ele sai da área, eu infiltro. E vice versa. A gente sempre busca o jogo rápido para dificultar a marcação e um dos dois fazer o gol". 


"É um trabalho de todo o time. A gente sabe a ideia do nosso treinador. Treinamos essa troca de passe por dentro e com a ajuda do Royal (Emerson) infiltramos ali e fomos felizes na jogada. O Reinier, graças a Deus, conseguiu fazer o dele porque já tinha perdido um antes", recorda Matheus aos risos. 


A Seleção Olímpica volta a campo na próxima terça-feira (17) às 16h (horário de Brasília) contra o Egito no Estádio Internacional do Cairo.


Foto: CBF/Rogério Nogueira

Nenhum comentário:

Postar um comentário