Campeão em 2017, Sergio García desiste do Masters de golfe ao testar positivo para coronavírus - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Campeão em 2017, Sergio García desiste do Masters de golfe ao testar positivo para coronavírus

Compartilhe

Campeão do Masters de 2017, o golfista espanhol Sergio García não disputará o torneio nesta temporada, após testar positivo para coronavírus. García revelou que se sentiu mal ao viajar para sua casa em Austin, depois de ter disputado o Houston Open, na noite de sábado. A confirmação de sua desistência no Major realizado no clube Augusta National foi divulgado na última segunda-feira (9).

“Comecei a sentir um pouco de dor de garganta e tosse”, explicou García. “Os sintomas permaneceram na manhã de domingo, então decidi fazer o teste para COVID-19 e minha esposa Angela também. Felizmente ela deu negativo, mas eu não".

“Depois de 21 anos sem perder um Major, vou sentir saudades do Masters esta semana. Mas o importante é que minha família e eu estamos nos sentindo bem. Vamos voltar mais fortes e dar uma chance à jaqueta verde em abril do ano que vem", disse García, que não ficava de fora de um Major desde o US Open de 1999. 

García não terá um substituto em campo no Masters, já que o torneio não permite reservas. Além disso, a organização anunciou que apenas os 50 melhores golfistas (incluindo atletas empatados na 50ª posição) poderão avançar o corte e participar da terceira e quarta rodada do Major de Augusta.

Originalmente organizado no mês de abril, o Masters de 2020 foi adiado devido à pandemia de coronavírus, sendo reagendado para entre os dias 12 e 15 de novembro. O defensor do título é o 15 vezes campeão de Majors, Tiger Woods, atual 33° colocado no ranking mundial de golfe.

Foto: Reprodução/Golf Mounthly

Nenhum comentário:

Postar um comentário