Sede do surfe em Paris 2024, Teahupo'o se preocupa com preservação do meio ambiente durante os Jogos - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Sede do surfe em Paris 2024, Teahupo'o se preocupa com preservação do meio ambiente durante os Jogos

Compartilhe

Os moradores de Teahupo'o, vila na costa sudoeste do Taiti, na Polinésia Francesa, estão preocupados com a preservação do meio ambiente durante o período que o local hospedará as competições de surfe dos Jogos Olímpicos de Paris, em 2024. 

Mesmo que o povoado esteja feliz em receber reconhecimento internacional por recepcionar um evento olímpico, eles também estão de olho nas estruturas que serão construídas pelos organizadores franceses. Para isso eles criaram o Mata Ara Ia Teahupo'o 2024, um grupo para reivindicar legitimamente a transparência no estudo dos projetos para o torneio, a fim de priorizar acima de tudo a preservação do ambiente. 

“Ecologia, meio ambiente e os princípios do desenvolvimento sustentável estarão no centro do projeto Teahupo'o”, disse o presidente da Polinésia Francesa, Edouard Fritch em março deste ano. 

“Os Jogos Olímpicos de 2024 serão uma grande oportunidade para fortalecer a promoção do desenvolvimento sustentável. As instalações serão úteis após os jogos”, declarou o mandatário, chamando as famosas ondas de Teahupo'o de “um presente da natureza". 

No entanto, alguns habitantes da vila não concordam totalmente com a afirmação de Fritch, e dizem que a intenção é transformar o local num centro econômico. 

“Não queremos que nosso pequeno pedaço do paraíso seja devastado. Queremos continuar a viver em harmonia com a 'Mãe Natureza'”, disse o surfista Tahurai Henry, natural de Teahupo'o, em entrevista ao portal The Inertia. “Uma parte de mim ficou orgulhosa quando soube que Teahupo'o foi selecionada para os Jogos Olímpicos, mas rapidamente fiquei chateado com a infraestrutura que esse evento exige". 

Como representante da Mata Ara Ia Teahupo'o 2024, Henry declarou que o objetivo do grupo é ser incluído nas decisões sobre a infraestrutura que será implantada no local, para o evento. 

Para Teahupo'o receber os 10 dias de competição previstos para os Jogos Olímpicos de Paris 2024, serão necessários a construção de estradas de duas pistas, uma ponte para carros, uma local para acomodar o público, o desenvolvimento de estacionamentos, arquibancadas, andaimes para apoiar 200 funcionários, a escavação de um canal de acesso aos andaimes, uma 'mini Vila Olímpica' de 24 unidades habitacionais, um pavilhão poliesportivo, heliponto e área de atracação.

Ainda durante a entrevista para o portal The Inertia, Henry declarou que a população de Teahupo'o quer ajudar os organizadores na preparação para receber o torneio olímpico de surfe em 2024. “Se acharmos que existem alguns problemas, queremos dar algumas soluções. Queremos trabalhar juntos porque pensamos que as pessoas que merecem participar neste evento são, em primeiro lugar, as pessoas de Teahupo'o", concluiu.

Foto: Damien Poullenot/WSL

Nenhum comentário:

Postar um comentário