Kim Sei-young conquista o título do Women's PGA Championship, seu primeiro Major de golfe na carreira - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Kim Sei-young conquista o título do Women's PGA Championship, seu primeiro Major de golfe na carreira

Compartilhe

 


A golfista sul-coreana Kim Sei-young, atual número 7 no ranking mundial feminino, conquistou neste domingo (11), o título do Women's PGA Championship, seu primeiro trófeu de Major na carreira. Líder desde a segunda rodada do torneio, ela quebrou o recorde do campo do Aronimink Golf Club, na Pensilvânia, ao terminar o eveto com 14 tacadas abaixo do par, superando a marca de Betsy King em 1992. 


Sei-young teve uma performance dominante nesta quarta e última rodada, efetuando sete birdies, sem cometer erros. Impecável, ela concluiu sua participação no campeonato com vantagem de cinco tacadas para a vice-campeã, sua compatriota Imbee Park, que encerrou com -9 na classificação geral. 


Campeã no Women's PGA Championship, Sei-young foi vice-campeã do Evian Championship em 2018, seu melhor desempenho em Major até então. Ela foi quarta colocada no Women's British Open também em 2018 e quarta no ANA Inspiration de 2015. 


Completaram o grupo das cinco melhores golfistas do torneio, a japonesa Nasa Hataoka, terceira colocada (-7), que empatou com espanhola Carlota Ciganda. Na quinta posição ficou a seuca Anna Nordqvist, quatro tacadas abaixo do par do campo. 


Escocês Martin Laird conquista título no PGA Tour





Já pelo circuito masculino de golfe, o escocês Martin Laird faturou o trófeu do Shriners Hospitals for Children Open. Este foi seu quarto título no PGA Tour, encerrando um jejum de sete anos sem conquistas. 


No entanto, foi necessário um playoff de dois buracos extras para a decisão do título. Na segunda tentativa de desempate, Laird bateu Matthew Wolff e Austin Cook, ao efetuar um birdie. 


"Já faz um tempo. Tenho trabalhado muito e já se passaram sete anos desde a minha última vitória. Provavelmente sinto que agora meu jogo está tão bom quanto antes. Tenho jogado muito bem nas últimas semanas, mas não tinha visto o resultados. Mas eu adoro isso aqui", disse Laird ao Golf Channel. 


Laird, atleta de 37anos, já foi o 21º colocado no ranking mundial, mas teve uma lesão no menisco em junho e fez apenas quatro partidas desde que o Tour voltou da paralisação causada pela pandemia do COVID-19. Ele caiu para a posição 358 e precisou de uma isenção de patrocinador para poder competir nesta semana. 


Foto: Reprodução/Twitter Alkass Digital e PGA Tour

Nenhum comentário:

Postar um comentário