Reed lidera segunda rodada do US Open de golfe; Woods e Morikawa não passam o corte - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Reed lidera segunda rodada do US Open de golfe; Woods e Morikawa não passam o corte

Compartilhe

 


O segundo dia do US Open de golfe reservou surpresas e decepções no Winged Foot, clube que recebe o torneio deste ano para a 'supertemporada' 2020-2021 do PGA. Enquanto a rodada disputada nesta sexta-feira (18), contou com o estadunidense Patrick Reed na liderança, e o espanhol Rafa Cabrera Bello no top-3, dois campeões de Major deixaram o campo eliminados do evento: Tiger Woods e Collin Morikawa


Apenas seis atletas entrarão na terceira rodada, que será disputada neste sábado (19), com desempenho abaixo do par do campo. Além do líder Reed, e o terceiro colocado Cabrera Bello, mantiveram um desempenho superior ao que foi previsto pelo campo, os golfistas Bryson DeChambeau, Harris English, Justin Thomas e Jason Kokrak, todos dos Estados Unidos. 


Reed chega ao teceiro dia de competições com 136 tacadas das 140 previstas, em duas rodadas disputadas. Nesta sexta-feira ele performou cinco birdies e cinco bogeys, o que demonstrou as dificuldades apresentadas no campo do Winged Foot. 


O melhor desempenho do dia foi o segundo colocado, DeChambeau, que concluiu o percurso desta segunda rodada com com 68 jogadas, performando um eagle, cinco birdies e cinco bogeys. 


Atual número 1 do mundo no ranking mundial de golfe, o estadunidense Dustin Johnson, campeão da FedEx Cup na temporada passada, recuperou-se e concluiu a sedunda rodada no par do campo, com dois birdies e dois bogeys, o que lhe garantiu a passagem para as etapas decisivas do US Open, com um 22º lugar. 


Eliminações de gigantes


Collin Morikawa, campeão do PGA Championship deste ano, sucumbiu diante mais uma má atuação no Winged Foot. Após fechar o primeiro dia com 76 jogadas, ele não passou o corte ao somar mais 71 tacadas ao seu desempenho, ficando apenas uma posição atrás do último classificado, Rickie Fowler. 


Quem segue sem jogar bem desde o retorno do circuito mundial de golfe, paralisado por três meses por conta da pandemia de coronavírus, é Tiger Woods. Ele não passou o corte e foi eliminado após cometer dois bogeys duplos e cinco bogeys. Seus dois birdies não foram o suficiente e deixaram o 15 vezes campeão de Major com +10 na classificação geral. 


Foto: John Minchillo/Associated Press

Nenhum comentário:

Postar um comentário