Paris 2024 busca reduzir locais de competição para diminuir orçamento - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Paris 2024 busca reduzir locais de competição para diminuir orçamento

Compartilhe

O Comitê Organizado de Paris 2024 afirmou que sua revisão do projeto para os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos está focado no controle de orçamento, o cuidado ambiental, entendendo a dimensão espetacular do projeto, buscando entregar um evento com um forte legado.

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, afirmou nesta semana que as pessoas verão os Jogos adaptados ao "mundo pós-corona" em Paris 2024. Bach disse que o conhecimento adquirido com Tóquio 2020 estava sendo passado para o Paris 2024 para ajudar o Comitê Organizador a alterar os planos.

O presidente francês Emmanuel Macron, a prefeita de Paris Anne Hidalgo e o presidente do Paris 2024, Tony Estanguet, também prometeram apoio para a adaptação dos Jogos.

Paris 2024 disse que a revisão do conceito é necessária para garantir que os Jogos possam ser organizados dentro do orçamento, especialmente devido à incerteza econômica devido à pandemia do coronavírus.

Os organizadores também afirmam que o mapa dos locais está sendo avaliado como parte da revisão para garantir a flexibilidade dentro do orçamento.

"As discussões ainda estão em andamento com todos os jogadores envolvidos", disse um porta-voz do Paris 2024 durante os jogos. “O que podemos dizer é que queremos otimizar o conceito existente, agregando locais para diversos esportes e, em última análise, reduzir o número de arenas."

“Vamos contar principalmente com os locais já identificados na fase de licitações porque conhecemos sua qualidade técnica para receber a maior competição internacional, os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos, e no final vamos manter uma forte presença em Seine-Saint-Denis.

“Estaremos em condições de apresentar nossa revisão de conceito validada por todos os stakeholders até o final do ano. Temos a convicção de que ainda podemos otimizar nosso projeto, torná-lo ainda mais forte, mostrando criatividade, imaginação, encontrar novas soluções, sacudir situações estabelecidas, como já temos feito desde o início da nossa aventura”.

Os organizadores comunicaram que o coração dos Jogos permanecerá na área de Seine-Saint-Denis, em Paris, onde a Vila dos Atletas e o Centro Aquático Olímpico estão sendo construídos.

A Vila dos Atletas será transformada em área de convivência e moradia após os Jogos, enquanto os organizadores afirmam que o Centro Aquático Olímpico ajudará a suprir a falta de instalações esportivas no departamento.

O Comitê afirma que a revisão do conceito não afetará a ambição de transformar e garantir que haja oportunidades vinculadas aos Jogos na área. As mudanças estão sendo consideradas em relação ao local do vôlei como parte de suas medidas de corte de custos.

Segundo o jornal francês L'Équipe , o Paris 2024 pretende transferir o voleibol de uma instalação temporária em Le Bourget para o Stade Pierre-Mauroy em Villeneuve-d'Ascq. O estádio, casa do time da Ligue 1, LOSC Lille, deve sediar partidas de futebol nos Jogos.

Mas o L'Équipe informou que o Comitê Organizador pode reduzir o número de sedes para os torneios de futebol, com Stade Pierre-Mauroy entre os que podem ser eliminados da lista provisória de nove. Paris 2024 está tentando cortar entre € 300 milhões (R$ 1,89 bilhão) e € 400 milhões (R$ 2,52 bilhões) do custo dos Jogos.

Foto: Paris 2024

Nenhum comentário:

Postar um comentário