Felipe Meligeni vai às quartas em Iasi, alcança melhor ranking e desafia veterano 51º da ATP; Clezar e Sakamoto na final de future francês - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Felipe Meligeni vai às quartas em Iasi, alcança melhor ranking e desafia veterano 51º da ATP; Clezar e Sakamoto na final de future francês

Compartilhe

Felipe Meligeni Alves Romênia tênis


Felipe Meligeni Rodrigues Alves conseguiu uma importante vitória nesta quinta-feira, diante do argentino Francisco Cerundolo, 237º melhor do mundo, por 2 sets a 1. Atual 354º do mundo, o tenista campinense está classificado às quartas de final do challenger de Iasi, na Romênia garante o maior ranking de sua carreira, provisoriamente em 316º lugar.


A vitória veio após 2 horas e 17 minutos de jogo, com parciais de 6-3, 6-7[2] e 6-3. Na sexta-feira ele tenta a maior vitória de sua carreira, diante do espanhol Pablo Andujar, 51º melhor do mundo aos 34 anos e principal favorito do torneio. Uma vitória o colocará dentro do top300. 


O jogo acontece não antes das 6h30 da manhã, logo após o confronto entre o brasileiro João Menezes (195º e cabeça 7) e Jaume Munar (108º e cabeça 2). Completando a rodada na quadra central, Menezes volta para a disputa da semifinal de duplas ao lado de Rafael Matos, diante do norte-americano Robert Galloway e do mexicano Hans Hach Verdugo.


Nesta quinta-feira, Matos e Menezes venceram os cabeças 2 Luis David Martinez, da Venezuela, e Miguel Angel Reyes-Varela, do México, por 6-5 e 7-6[6]. Já Fernando Romboli, 99º melhor duplista do mundo, caiu ao lado do francês Enzo Couacaud para o filipino Treat Hueay e o norte-americano Nathaniel Lammons por 7-6[0] e 7-5.


No M25+H de Plaisir, Guilherme Clezar  (273º) conseguiu uma vitória dupla. Primeiro, o do mundo venceu o convidado francês Valentin Royer (671º) por 6-7[7], 7-6[5] e 6-4. Em seguida, ele se juntou ao compatriota Pedro Sakamoto e venceu os israelenses Daniel Cukierman e Edan Leshem por 7-6[5] e 6-4. 


Sakamoto (305º em simples), por outro lado, apesar de ser o cabeça 4, perdeu para o belga Yannic Mertens (475º) em sets diretos: parciais de 6-1 e 6-3.


Clezar e Sakamoto enfrentam o belga Michael Geerts e o norte-americano Strong Kirchheimer pela grande final de duplas a partir das 12h, horário de Brasília. Antes, às 8h, Clezar desafia o cabeça 6 Igor Sijsling. O tenista dos Países Baixos, atual 310 do mundo mas que alcançou o 52º do posto em 2014.


No M15 de Sintra, os últimos brasileiros caíram: o convidado Leonardo Civita-Telles (sem ranking da ATP) perdeu de virada para o português Nuno Borges (599º) por 3-6, 6-2 e 6-2. Cabeças 2, Mateus Alves e Igor Marcondes perderam para os estadunidenses Eduardo e Emilio Nava em uma batalha de tie-breaks: 6-7[5], 7-6[7] e 10-6.


Foto: Divulgação / Concord Iasi Open

Nenhum comentário:

Postar um comentário