Continente africano receberá Campeonato Mundial de Tênis de Mesa em 2023, após 84 anos - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Continente africano receberá Campeonato Mundial de Tênis de Mesa em 2023, após 84 anos

Compartilhe


A cidade de Durban, na África do Sul, foi escolhida como sede do Campeonato Mundial de Tênis de Mesa (individual e duplas) da ITTF em 2023, após vencer a eleição que contou com os votos das Associações Membro, na última segunda-feira (28). Esta será a primeira vez em que o continente africano receberá o evento desde a edição de 1939, organizada no Cairo, capital do Egito. 

No pleito, Durban obteve 90 votos (69,77%), contra os 39 (30,23%) de Dusseldorf, na Alemanha, que recebeu o evento no ano de 2017. 

De acordo com a Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF) a votação justifica o novo formato para as Finais do Campeonato Mundial da modalidade, programados para 2021, que vê a qualificação continental preceder o evento final, tornando assim mais viável para mais países receberem o torneio.

“Parabéns à África do Sul e Alemanha por apresentarem propostas muito fortes para sediar as finais do Campeonato Mundial de Tênis de Mesa ITTF de 2023. Continuamos a ver os benefícios das futuras mudanças no formato das Finais do Campeonato Mundial, que serão introduzidas a partir do próximo ano, levando a mais países licitarem de diferentes regiões do mundo", disse Khalil Al-Mohannadi, Vice-Presidente da ITTF.

"Isso também reflete o apelo internacional cada vez maior do tênis de mesa, o que é extremamente agradável de ver à medida que continuamos a trabalhar duro para tornar o esporte mais global no futuro", concluiu. 

A cidade de Houston, no estado norte-americano do Texas está programada para sediar o Mundial individual de 2021, enquanto Chengdu, na China, receberá o Mundial por equipes de 2022.

O Campeonato Mundial por equipes que será realizado em Busan, na Coreia do Sul e que estava marcado para ocorrer em 2020, foi reagendado para entre os dias 28 de fevereiro e 7 de março de 2021. 

Foto: Reprodução/ITTF

Nenhum comentário:

Postar um comentário