Seleção feminina de tênis de mesa segue para treinamentos na Europa no próximo dia 21 - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Seleção feminina de tênis de mesa segue para treinamentos na Europa no próximo dia 21

Compartilhe

A seleção brasileira feminina de tênis de mesa inicia, no próximo dia 21, um período de treinamentos em Portugal como parte da Missão Europa, que prevê a ida das atletas Caroline Kumahara, Jessica Yamada, Giulia Takahashi e Laura Watanabe. Elas se juntam a Bruna Takahashi, que se reapresentou ao Sporting no final da última semana. As atletas permanecem na Europa até o dia 24 de setembro.

Caroline e Jessica já são atletas da seleção adulta e participaram dos Jogos Pan-Americanos e do Pré-Olímpico, no ano passado. Giulia, 15 anos, e Laura, com 16, fazem parte de um outro planejamento de CBTM e COB, que está sendo executado desde 2019 e busca dar maior experiência internacional para as duas potenciais atletas das futuras equipes olímpicas do Brasil. 

“Vai ser muito importante para que elas possam se ambientar com a equipe adulta. Para mim, é sempre bom ter um grupo grande para trabalhar”, ressalta Hugo Hoyama, técnico da equipe, que terá o acompanhamento de dois treinadores das equipes de base: Hideo Yamamoto (que segue junto com o grupo e permanece até o dia 9 de setembro) e Lígia Silva (que viaja no dia 4, retornando no dia 24). Além deles, a fisioterapeuta Ana Lyra acompanhará todas as atletas.

Antes de viajarem, os membros da delegação farão testes para detecção de Covid-19. Após a chegada em Portugal, eles repetem os exames e permanecem isolados até a divulgação dos resultados e liberação. Só então, iniciam os treinamentos. Este procedimento está sendo realizado por Bruna Takahashi, que chegou no último sábado à Europa. 

O Centro de Alto Rendimento da Vila Nova de Gaia, localizado na Região Metropolitana do Porto, é a casa de Bruna Takahashi desde o segundo semestre de 2019. O Sporting, clube onde atua, utiliza o local para treinamentos e jogos. Conta com toda a estrutura de alojamento para atletas, nove mesas, sala de musculação, área para os técnicos, entre diversas outras facilidades para a equipe.

“Espero que possamos aproveitar ao máximo e pegar ritmo de treinamentos. Fizemos uma reunião por vídeoconferência e temos de tomar cuidados nessa volta, para evitar lesões. Cansaço, todas vão sentir. Mas espero que seja um período muito importante para voltarmos ao ritmo de preparação para os Jogos de 2021”, avalia Hugo Hoyama.

Foto: ITTF

Nenhum comentário:

Postar um comentário