Ouro na Rio 2016, japonesa Ayaka Takahashi vai anunciar aposentadoria do badminton - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Ouro na Rio 2016, japonesa Ayaka Takahashi vai anunciar aposentadoria do badminton

Compartilhe

Ayaka Takahashi e Misaki Matsutomo atacam peteca na Rio 2016

Aos 30 anos, a estrela do badminton japonês Ayaka Takahashi (a direita na foto) vai aposentar a peteca. É o que disseram fontes próximas a atleta a agência japonesa Kyodo News nesta segunda-feira (17).

Ouro na Rio 2016 na dupla feminina, Takahashi entrou para a história ao lado de Misaki Matsutomo, 28, como a primeira medalha de ouro do Japão no badminton. Na final da competição no Brasil, as japonesas bateram Christinna Pedersen e Kamilla Rytter Juhl, da Dinamarca, com uma virada no último set quando perdiam por 19-16 e marcaram cinco pontos consecutivos no final.

Segundo a Kyodo News, a decisão da atleta deve ser formalizada em uma coletiva de imprensa nos próximos dias.

Ayaka Takahashi (direita) e Misaki Matsutomo emocionadas com o ouro no Rio - Foto: Esteban Biba/EPA

O motivo da aposentadoria provavelmente é o disputado circuito interno para ir aos Jogos Olímpicos de Tóquio. No momento, com o ranking olímpico congelado até janeiro de 2021 por conta do novo coronavírus, Takahashi/Matsutomo são a sexta do ranking mundial. Porém, elas não têm a classificação olímpica, já que Yuki Fukushima/Sayaka Hirota e Mayu Matsumoto/Wakana Nagahara são a dupla número 1 e 3 do mundo, respectivamente. Até o oitavo do ranking mundial, apenas duas duplas podem se classificar por país.

Com remotas chances de estar como atleta em Tóquio, a campeã olímpica deve encerrar sua carreira e quebrar uma parceria que deu resultados. Além do ouro nas Olimpíadas, Ayaka Takahashi e Misaki Matsutomo venceram cinco vezes o campeonato nacional e foram a primeira dupla japonesa a liderar o novo ranking da Federação Internacional de Badminton (BWF) em 2014.

Foto: Kyodo

Nenhum comentário:

Postar um comentário