Judoca Christa Deguchi revela desejo de ganhar primeiro ouro olímpico do Canadá na modalidade - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Judoca Christa Deguchi revela desejo de ganhar primeiro ouro olímpico do Canadá na modalidade

Compartilhe

Três anos após mudar de nacionalidade, a judoca Christa Deguchi revelou o sonho de dar ao Canadá sua primeira melhada de ouro olímpica na modalidade. Em 2017 a atleta fez a transição de seu local de nascimento, o Japão, para o país da América do Norte, em busca de uma vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio. 

Deguchi é filha de mãe japonesa e de pai canadense e já havia sido abordada em 2012 para que mudasse de nacionalidade, recusando a oferta naquela época. 

"O Canadá entrou em contato comigo quando eu estava no ensino médio", disse Deguchi. "Eu estava no time do Japão na época e não achava que iria mudar de país".

Porém, seu treinador de longa data a aconselhou, argumentando que ela deveria escolher o país que lhe desse a maior oportunidade de competir nos Jogos Olímpicos. Então pouco antes de completar 22 anos, ela optou por defender a bandeira do Canadá, e agora mira grandes objetivos. 

Mas antes de traçar novos planos, a judoca que já não lutava pelo Japão há algum tempo, precisou ficar por mais um período sem competir, como exigência da Federação Internacional de Judô. 

Competindo pelo Canadá, Deguchi já acumula um ouro e um bronze em campeonatos mundias de judô, além de entrar como uma das favoritas na disputa pelo título olímpico na categoria 57 kg. 

"Ganhar ouro pelo Canadá foi um momento especial e um ponto alto na minha carreira", afirmou Deguchi.

"Tento não pensar nos detalhes da luta ou nos resultados que preciso obter, tento manter minha mente o mais vazia possível e me concentrar apenas na minha luta e em como vou atacar minha oponente".

Mesmo ainda sem ter vaga garantida nas Olimpíadas, Deguchi já fala sobre um possível título olímpico. 

"É claro que meu objetivo é ganhar a primeira medalha de ouro no judô do Canadá, mas não acho que sou a favorita", reiterou. 

"A categoria de 57 kg é uma das divisões mais difíceis do judô. Vou ter que estar no meu melhor para alcançar meu objetivo".

O Canadá tem duas medalhas de prata e outras duas de bronze no judô em Olimpíadas. 

Foto: David Boily/La Presse

Nenhum comentário:

Postar um comentário