Adiamento de Tóquio 2020 permite convocação de Woods para equipe olímpica de ciclismo do Canadá - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Adiamento de Tóquio 2020 permite convocação de Woods para equipe olímpica de ciclismo do Canadá

Compartilhe

O adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 alterou profundamente o calendário esportivo. Entretanto, esse maior tempo até os Jogos vem permitindo uma melhor preparação e, até mesmo, a recuperação de alguns atletas para o espetáculo esportivo. Esse é o caso do ciclista canadense Mike Woods.

O esportista de 33 anos, natural da capital Ottawa, está de volta às corridas depois de quebrar seu fêmur (osso da coxa) em um acidente em meados de março, o que colocou em dúvida o seu sonho de competir em uma segunda Olimpíada.

Agora, com um ano de a mais para se recuperar, Woods foi um dos 17 atletas convocados para a seleção canadense de ciclismo de estrada e pista para Tóquio 2020.

Woods integra o maior contingente canadense de todos os tempos, juntamente com as medalhistas de bronze do Rio 2016, Allison Beveridge, Jasmin Duehring e Georgia Simmerling, da equipe feminina de perseguição. As equipes de mountain bike e de corrida de BMX serão selecionadas até junho de 2021.

O ciclista teve vároas lesões ao longo dos anos, sejam fraturas por estresse que dificultaram sua carreira em corrida ou seu tempo na bicicleta, o que incluiu quebrar a mão em três lugares algumas semanas antes do Rio 2016 ou as duas costelas quebradas no Tour de France do ano passado.

Mas a lesão no fêmur foi a mais dolorosa que ele já sofreu. "Também foi uma das coisas mais dolorosas mentalmente, porque quando olhei para minha perna, sabia que era ruim", disse Woods, de Siena, Itália, onde está se preparando para recomeçar com o Strade Bianche, o primeiro WorldTour corrida da temporada neste sábado.

"Meus grandes objetivos para 2020 foram as Olimpíadas, os campeonatos mundiais e o Tour e, naquele momento, os três pareciam estar em risco" acrescentou.

Entretanto, ele mostrou que estava de volta e mais forte do que nunca em 18 de julho, com uma vitória da Etapa 5 no virtual Tour de France. Agora, o canadense está se concentrando em sua primeira corrida 'ao vivo' da temporada, embora não espere que ele vá a todo vapor.

"A primeira corrida do ano é sempre uma briga de cães. É sempre selvagem, especialmente porque essa é uma corrida icônica na Itália, sobre cascalho, muita poeira, muita luta por posição. Será bastante perigoso", disse ele, ainda dizendo que "essa dispensa de cinco meses deixa os ciclistas meio loucos."

"Acho que vou manter minhas emoções sob controle e jogar com segurança na minha primeira corrida do ano" finalizou.
 

Lista completa anunciada por McBean, Harnett


Resistência em Pista Feminina

  • Allison Beveridge (Calgary) - Perseguição em equipe, Omnium
  • Ariane Bonhomme (Gatineau) - Perseguição em equipe
  • Jasmin Duehring (Coquitlam) - Perseguição em equipe
  • Annie Foreman-Mackey (Kingston) - Perseguição em equipe
  • Georgia Simmerling (Vancouver) - Perseguição em Equipe

Resistência em Pista Masculina
  • Vincent de Haître (Cumberland) - Perseguição em Equipe
  • Michael Foley (Milton) - Perseguição por Equipe, Madison
  • Derek Gee (Osgoode) - Perseguição por Equipe, Madison
  • Jay Lamoureux (Victoria) - Perseguição em Equipe
  • Adam Jamieson (Horseshoe Valley) - suplente não-viajante

Corrida de Velocidade Feminina
  • Lauriane Genest (Lévis) - Velocidade, Keirin
  • Kelsey Mitchell (Parque Sherwood) - Velocidade, Keirin
  • Sarah Orban (Calgary) - suplente não-viajante
Corrida de Velocidade Masculina
  • Hugo Barrette (Ilha de Madeleine) - Velocidade, Keirin
  • Nick Wammes (Bothwell) - Velocidade, Keirin
Estrada Feminina
  • Karol-Ann Canuel (Amos) - Corrida de Rua, Contra-Relógio
  • Leah Kirchmann (Winnipeg) - Corrida de estrada, Contra-relógio
  • Alison Jackson (Vermilion) - suplente não-viajante
  • Sara Poidevin (Canmore) - suplente não-viajante

Estrada Masculina
  • Hugo Houle (Ste-Perpétue) - Corrida de rua, Contra-relógio
  • Mike Woods (Ottawa) - Corrida de estrada

* Um terceiro e último atleta do sexo masculino será anunciado no próximo ano com base em performances até maio.

Foto: Louis Garneau

Nenhum comentário:

Postar um comentário