Projetos sociais de tênis no RJ doam cestas básicas para cerca de 800 famílias durante pandemia - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Projetos sociais de tênis no RJ doam cestas básicas para cerca de 800 famílias durante pandemia

Compartilhe

Aproximadamente 800 famílias das favelas do Rio de Janeiro, inscritas em projetos sociais de tênis, estão sendo beneficiadas com doações de cestas básicas. A iniciativa que começou no final da última semana distribuirá ao todo duas toneladas de alimentos.

A doação tem origem na arrecadação de alimentos feita pelas instituições Tennis Route e Instituto Tênis, além da companhia aérea LATAM. Os projetos sociais contemplados e que estão distribuindo as cestas básicas são a Escola de Tênis Fabiano de Paula, e os projetos Futuro Bom, Tênis na Lagoa e Fundetênis. Juntos diante o atual cenário de crise causada pela pandemia de coronavírus, eles definiram um meio de contribuir com a população das favelas.

De acordo com o garçom Valdir Albuquerque, morador da Comunidade da Rocinha, a iniciativa foi fundamental. "No geral, foi de grande importância. Até porque vi pais e mães de família relatando que esse alimento chegou em boa hora", revelou. Valdir mora com a esposa e dois filhos. Um deles, é aluno da Escola Fabiano de Paula. 

Valdir conta que teve o contrato suspenso no restaurante que trabalha e não sabe quando deverá voltar a trabalhar. 

"A pandemia me afetou porque suspenderam meu contrato como garçom. O restaurante está fechado e recebo só o salário. Com a paralisação, a minha renda caiu, porque eu recebia comissão também", revelou Valdir, que primeiramente ficaria fora do trabalho por dois meses, mas agora deverá ficar por mais dois meses fora, com a renda reduzida.

Foto: Divulgação
O ex-tenista Fabiano de Paula, padrinho e idealizador da Escolinha de Tênis Fabiano de Paula, localizada na Comunidade da Rocinha, avaliou o momento vivido no Brasil e agradeceu a união entre os projetos para conseguir distribuir os alimentos. 

"Estou muito feliz com esse apoio às famílias da Escola. Vivemos um momento sem precedentes, os alunos não estão podendo treinar e suas famílias passam necessidade, então essa ajuda vem em ótimo momento. Só tenho a agradecer a LATAM, Instituto Tennis Route e o Instituto Tênis pela iniciativa". A Escolinha de tênis de Fabiano de Paula conta com mais de 100 alunos, nesta que é a maior comunidade do país.

No projeto Fundetênis, até 50 famílias da Comunidade do Engenho, situada no bairro de Pilares, poderão ser beneficiadas. Coordenador do programa, Artur Ricardo, comemorou a arrecadação de alimentos. "Essa doação da Tennis Route, Instituto Tênis e LATAM, é de suma importância, pois muitos dos nossos alunos são filhos de autônomos e devido a essa crise, toda ajuda é muito bem-vinda", ressaltou.

O projeto de tênis do Instituto Futuro Bom beneficia cerca de 400 famílias, além de ajudar moradores de rua, atendendo crianças e famílias do Vidigal, Pavão Pavãozinho, Cruzada São Sebastião, Rocinha e Nova Iguaçu. 

Fundador do Instituto Futuro Bom, Marcus Vinicius Meira ressaltou a importância das doações e revelou que desde o início da pandemia, o projeto está paralisado.  "A ajuda vem em uma ótima hora, pois o número de famílias em extrema necessidade cresce a cada dia.  O mesmo posso falar sobre os moradores de rua.  O nosso projeto, onde atuamos dentro de dois hotéis e em três escolas públicas, está totalmente parado".

O projeto 'Tênis na Lagoa', comandado por Alexandre Borges e que conta com o apoio do ex-tenista Thomaz Koch, possui cerca de 240 alunos das comunidades do Vidigal, Tabajaras, Rocinha, entre outros.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário