Com apenas três jogos realizados, temporada da LBF é cancelada - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Com apenas três jogos realizados, temporada da LBF é cancelada

Compartilhe

A principal competição nacional do basquete feminino não acontecerá este ano. A Liga de Basquete Feminino (LBF) anunciou nesta terça-feira (23) o cancelamento de sua temporada por conta da pandemia do coronavírus. A competição estava paralisada desde 14 de março e um retorno já era estudado, mas as equipes optaram por cancelar a temporada, visando o bem-estar das jogadoras e dos envolvidos.

"Apesar dos esforços empreendidos desde meados de março para que a competição ainda fosse realizada no décimo ano de fundação da LBF, a diretoria da Liga e os dirigentes das oito equipes entenderam que ainda não há um nível de segurança ideal para que os jogos sejam realizados, ainda que de portões fechados e com a adoção de protocolos de saúde", disse a LBF em comunicado.

Apenas três jogos foram realizados na atual temporada. A liga foi iniciada em 8 de março e teve de ser suspensa seis dias depois, com o aumento da propagação da Covid-19 no Brasil. Desde então, representantes dos oito clubes envolvidos realizaram reuniões semanais para organizar a volta segura da competição. 

A entidade chegou a ter um plano de retomada para realizar sua temporada. A competição seria disputada no mês de agosto em duas sedes e sem a presença de público, com apenas um turno e jogos únicos nos playoffs, cumprindo todos os protocolos de saúde, como testagem de atletas e funcionários, distanciamento social fora das quadras e utilização de máscaras fora de jogo.

O formato chegou a ser aprovado pelos clubes. No entanto, dada a manutenção da crise sanitária e a incerteza em relação ao futuro, as próprias equipes decidiram não colocá-lo em vigor, optando pelo cancelamento do torneio, após um novo encontro realizado de forma virtual na manhã desta terça-feira, que contou com a presença dos representantes de todas as equipes.

“Acreditamos que foi a melhor forma possível. Com essa medida, nós conseguimos preservar a todos, e torcemos para que possamos fazer, em 2021, uma temporada muito mais forte, com essa pandemia controlada. Agradecemos a todos os patrocinadores, equipes, comissões, todos que se empenharam ao máximo nesta questão”, afirmou o presidente em exercício da LBF, Valter Ferreira.

Com a decisão, a LBF segue os passos de grande parte das principais ligas nacionais do esporte olímpico brasileiro, incluindo o NBB (Novo Basquete Brasil), competição de elite do basquete masculino, ao encerrar sua temporada por conta da crise sanitária.

Surte +  Érika cobra igualdade entre homens e mulheres no basquete: "Não quero sobras, quero direitos iguais"

Foto: Matheus Marques/LBF

Nenhum comentário:

Postar um comentário