COB anuncia lançamento de manual de 200 páginas para volta de treinamentos para junho - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

COB anuncia lançamento de manual de 200 páginas para volta de treinamentos para junho

Compartilhe


O Comitê Olímpico do Brasil (COB) vem preparando um manual de 200 páginas para a volta dos atletas aos treinamentos, a ser lançado na primeira quinzena de junho. O chamado  'Manual Técnico do Esporte de Formação e Alto Rendimento em um Ambiente de Covid-19' foi elaborado por uma equipe de 20 pessoas, entre médicos e profissionais do esporte, que deve servir de base para outras instituições esportivas na retomada das atividades nos próximos meses.

Em entrevista ao site Globoesporte.com, o diretor do COB Jorge Bichara explicou que o manual apresenta "orientações operacionais, normas de segurança para convívio profissional e a prática esportiva, estudos médicos referentes ao impacto do Covid-19 no ambiente esportivo e um protocolo aplicado para o retorno das atividades no centro de treinamento do Time Brasil, e que pode ser utilizado como base de consulta e referência de procedimentos e recomendações adaptados a outras instalações".

"O nosso objetivo é compilar informações e oferecer como foco de consulta. Em outros aspectos, preconizar o que o COB conseguiu verificar em outros países o que é válido e importante, como é o caso dos testes", diz o diretor da entidade, que cita protocolos do Instituto Australiano de Esportes, do Comitê Olímpico dos Estados Unidos, Comitê Olímpico da Suécia, da Federação Portuguesa de Natação, entre outros, como base para o do Brasil.

A conclusão do documento ocorre na semana em que houve a primeira reunião entre 48 médicos e 30 confederações para discutir apenas aspectos médicos relacionados ao retorno dos treinamentos esportivos no Brasil. O encontro passará a ser semanal.

Em relação à abertura do CT do Time Brasil, onde ficam desde as piscinas do Parque Aquático Maria Lenk até o centro de treinamento da ginástica artística brasileira, dentro do Parque Olímpico da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, o COB diz que seguirá as regulamentações dos governos estadual e municipal. Hoje, não está autorizada a abertura do local, que pode receber cerca de mil pessoas, mas, quando reabrir, na chamada fase 2, terá cerca de 20 atletas no máximo. Lá, a entidade bancará os testes recomendados: o de diagnósticos de sorologia, para verificar a resposta imune, e RT-PCR, considerado padrão ouro na resposta ao Covid-19.

foto: Divulgação/COB

Nenhum comentário:

Postar um comentário