Atletas de Fiji participarão de campanha 'Stay Strong' do Comitê Olímpico Internacional - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Atletas de Fiji participarão de campanha 'Stay Strong' do Comitê Olímpico Internacional

Compartilhe

Alguns atletas de Fiji, um arquipélago independente localizado no Oceano Pacífico, participarão do programa Stay Strong, organizado pelo Comitê Olímpico Internacional (COI), no qual visa ajudar as pessoas de todo o planeta a superar os problemas causados pela pandemia de coronavírus de forma unida, propagando mensagens de apoio e práticas para uma vida mais saudável. 

O país conta com sua própria rede de auxílio, chamada Vozes dos Atletas (VOA), comandada pela Associação de Esportes e Comitê Olímpico Nacional (FASANOC) de Fiji. A iniciativa altruísta da nação inspirou o programa Stay Strong a convidá-los e agora vídeos dos atletas fijianos serão veiculados nas páginas oficiais das Olimpíadas.

A iniciativa "Vozes dos Atletas" é financiada pelo COI e pelos Comitês Olímpicos dos países da Oceania. 

"Estamos incentivando nossos membros, que não apenas representaram o país no esporte, mas também são modelos em suas comunidades, para apresentarem ideias sobre como podemos continuar a difundir esses valores e qual plataforma seria a melhor", disse o coordenador da VOA, Jeegar Bhasvar.

"Mídias sociais como o Facebook e o Instagram estão sendo usadas por muitos atletas para compartilhar dicas de vida saudável e exercícios em casa, por isso estamos procurando algo semelhante", revelou. 

Atletas olímpicos de Fiji participarão de um treino que será transmitido pela internet no dia 23 de junho, data em que é comemorado o Dia Olímpico. 

"Esta será a primeira vez que Fiji participará de uma iniciativa mundial e estamos ansiosos pela criatividade de nossos membros", disse Bhasvar. 

Fiji participa dos Jogos Olímpicos de forma ininterrupta desde Seul em 1988. A primeira medalha de ouro foi conquistada após 28 anos, no Rúgbi Sevens masculino durante as Olimpíadas Rio 2016.

Foto: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário