RUSADA planeja retomar testes em maio - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

RUSADA planeja retomar testes em maio

Compartilhe

A Agência Russa de Antidopagem (RUSADA) planeja retomar os testes em certas regiões do país a partir de 11 de maio, em meio à pandemia de coronavírus. Os testes na Rússia estão suspensos desde 27 de março, após o presidente russo Vladimir Putin dizer a todos os russos que trabalham em setores não essenciais para ficar em casa devido ao surto.

O período estava previsto para durar uma semana, mas Putin estendeu a mudança até o final de abril. A vice-diretora geral da RUSADA, Margarita Pakhnotskaya, disse que a organização está se preparando para a retomada dos testes em maio.

Espera-se que os testes sejam restritos a áreas menos impactadas pelo coronavírus, com prioridade para os atletas que procuram competir nos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos reorganizados no próximo ano em Tóquio.

Pakhnotskaya disse à agência oficial de notícias estatal russa TASS que a organização estava coletando informações sobre o paradeiro dos atletas e a disponibilidade de oficiais de controle antidoping para permitir a retomada dos testes.

"A RUSADA estava inicialmente ciente de que a volta não seria nos primeiros dez dias de maio, mas, no entanto, continuaria com seus preparativos para retomar os testes", disse Pakhnotskaya. "Atualmente, trabalhamos na aquisição de roupas de proteção especiais para nossos inspetores de doping.

"Também estamos monitorando de perto a situação epidemiológica em todas as regiões russas, levando em consideração todas as restrições impostas." disse a vice-diretora. "Temos regiões que, em comparação com Moscou e a região, quase não têm restrições impostas.

"Nossos inspetores de controle de doping residem não apenas em Moscou e região, mas também em outras cidades do país. "É por isso que os integrantes de nossa equipe, que ficam em regiões mais favoráveis, são capazes de continuar com seus trabalhos de teste de acordo com todas as diretrizes e requisitos.

"Os inspetores que escolhemos terão que passar imediatamente nos testes de coronavírus" acrescentou. "Caso os testes sejam negativos, estaremos prontos para retomar nossos testes após 10 de maio em determinadas regiões".

Foto: DW

Nenhum comentário:

Postar um comentário