Stefanidi, ouro olímpico no salto com vara, apoiou adiamento de Tóquio 2020 - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Stefanidi, ouro olímpico no salto com vara, apoiou adiamento de Tóquio 2020

Compartilhe

A campeã olímpica do salto com vara Katerina Stefanidi reagiu positivamente ao adiamento dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio 2020, tendo criticado o Comitê Olímpico Internacional (COI) antes da mudança dos Jogos pela demora na decisão. A atleta grega  acusou o COI de deixar os atletas "em risco" no mês passado, antes da mudança da data.

No entanto, Tóquio 2020 foi remarcada para 2021, com as Olimpíadas de 23 de julho a 8 de agosto e as Paraolimpíadas de 24 de agosto a 5 de setembro.  Em entrevista à emissora estatal grega ERT , Stefanidi revelou que achava a decisão um pouco "tardia", mas reagiu positivamente ao adiamento geral.

"Foi feito um pouco tarde, mas poderia ter sido feito ainda mais tarde, já que originalmente o Comitê Olímpico Internacional havia dito que anunciaria sua decisão em maio", disse ela.  A pressão dos esportistas aumentou no preparo para a decisão de adiar os Jogos, com a membro do COI e ex-jogadora de hóquei no gelo Hayley Wickenheiser alegando que era "irresponsável" ir em frente com Tóquio 2020.

À medida que o número de casos de coronavírus aumentou em todo o mundo, o presidente do COI Thomas Bach e o presidente japonês Shinzō Abe concordaram em adiar os Jogos em 24 de março. Mais de 1,2 milhões de pessoas foram infectadas pelo coronavírus em todo o mundo, com mais de 75 mil mortes.

Stefanidi também revelou que esperava que a parte grega do revezamento da tocha olímpica fosse repetida. A atleta participou da etapa final em frente a arquibancadas vazias no Estádio Panathenaic. "Gostaria que os organizadores nos dessem a oportunidade de fazê-lo novamente em circunstâncias normais para os Jogos do ano que vem, mas entendo que a Chama agora foi entregue em Tóquio e eles o manterão no Japão, então está tudo bem", disse ela.

Foto: Reprodução/Twitter

Nenhum comentário:

Postar um comentário