Diretor da IWGA mantém locais de competição dos Jogos Mundiais de 2022, em Birmingham - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Diretor da IWGA mantém locais de competição dos Jogos Mundiais de 2022, em Birmingham

Compartilhe

O diretor da International World Games Association (IWGA), Nick Sellers, confirmou que manterá os 25 locais de competição dos Jogos Mundiais, que serão sediados na cidade de Birmingham, nos Estados Unidos em 2022. Programado para 2021, a organização optou pelo adiamento do evento, para que não coincidisse com os Jogos Olímpicos de Tóquio, que foram reagendados para o ano que vem.

"Todos os 25 locais originalmente programados para receber as modalidades foram confirmados para utilização, entre os dias 7 e 17 de julho, as novas datas para os Jogos Mundiais. Continuamos comprometidos em exibi-los em escala mundial", afirmou Sellers. 

Sellers ponderou sobre o adiamento, mas disse estar otimista em buscar mais parceiros para o evento. "Vamos ter mais oportunidades para gerar novas parcerias e promover as que já temos, tornando maior a possibilidade de fazer um evento mais emocionante e envolvente, além de ajudar cada vez mais a cidade de Birmingham". 

O diretor confirmou ainda que os Jogos deverão receber o número já aguardado de atletas, garantindo também todas as modalidades. "Nosso anúncio para 2022 garantiu que nosso programa, que incluirá mais de 3.6 mil atletas em 33 modalidades, permaneça intacto", certifica Sellers.

Os Jogos Mundiais são um evento poliesportivo onde a maioria das modalidades não fazem parte dos Jogos Olímpicos, como por exemplo, boliche, bilhar, handebol de praia e squash.

O evento é realizado de quatro em quatro anos, sempre no ano seguinte às Olimpíadas. Caratê, escalada esportiva e softbol são exemplos de esportes que fazem parte dos dois programas, tanto o olímpico como o dos Jogos Mundiais.

A edição mais recente dos Jogos Mundiais foi disputada em 2017, em Breslávia, na Polônia e a líder do quadro geral de medalhas do evento foi a Rússia, com 28 ouros, 21 pratas e 14 bronzes, seguido por Alemanha e Itália. O Brasil ficou em 16º, com 4 ouros, 2 pratas e 2 bronzes. 

Fotos: IWGA

Nenhum comentário:

Postar um comentário