Duplas olímpicas Alison/Álvaro e Evandro/Bruno seguem preparação intensa para Tóquio 2020


A torcida ainda não teve a chance de vê-los em quadra em 2020, mas o motivo é nobre. Garantidos nos Jogos Olímpicos de Tóquio, Alison/Álvaro Filho (ES/PB) e Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) seguem em ritmo forte de pré-temporada, realizando um trabalho de base gradual para que apresentem o ápice da forma física e técnica em julho.

As duas duplas, que não disputaram a etapa de João Pessoa (PB) do Circuito Brasileiro Open, em janeiro, estreiam em competições no dia 13 de fevereiro, quando participam da etapa de Maceió (AL) do tour nacional. A confirmação antecipada das vagas em relação aos times internacionais permitiu que os brasileiros formulassem a preparação como desejado.

Alison e Álvaro Filho retomaram aos treinamentos no dia 6 de janeiro, realizando na primeira semana apenas trabalhos físicos sem bola. Desde o último dia 13 deste mês, começaram os trabalhos com bola, que vão entrar na terceira semana e serão gradativamente adaptados. Alison comentou a preparação e a ajuda que a experiência de duas edições dos Jogos Olímpicos oferece em um momento de ansiedade para estrear no ano.

“Estamos em um estágio forte da parte física, exigindo mais dela, é normal que o corpo sinta mais. Ainda não chegamos na metade da pré-temporada, temos muita coisa pela frente ainda. Vamos jogar alguns torneios no meio dessa preparação, a etapa de Maceió (AL) do Circuito Brasileiro e as primeiras etapas do Circuito Mundial. Serão torneios onde ainda não estaremos no auge da nossa forma, mas vamos dar nosso melhor”, disse Alison.

A dupla tem realizados os treinamentos ‘em casa’, no Centro de Treinamento comandado pelo técnico Leandro Brachola em Vila Velha (ES). Durante a preparação, também realizarão períodos intensivos no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ). O primeiro começou no domingo (02.02) e durará uma semana.

“É um ano onde cada time possui uma estratégia, trabalha de uma maneira específica visando os Jogos. Acreditar no planejamento é muito importante, temos uma equipe multidisciplinar extremamente competente nisso. Somos atletas, somos competitivos e queremos estar em quadra sempre bem. Mas usamos um pouco da experiência para entender esse período, conter um pouco a ansiedade e trabalhar com afinco. Sabemos que estamos nos preparando para algo muito grande, abrindo mão de algumas coisas para isso. A saudade de estar em quadra é grande, mas vamos trabalhar pensando no objetivo lá da frente”, destacou.

Evandro e Bruno Schmidt também têm utilizado a estrutura do CDV, em Saquarema. O time já permaneceu por lá durante uma semana em janeiro, e terá outros períodos até o embarque para Tóquio. Evandro comentou a vontade de estar dentro de quadra em breve e a paciência com o próprio corpo, sabendo que em alguns torneios o time ainda estará se aprimorando.

“A preparação está muito intensa, a nossa pré-temporada vai ser um pouco mais longa, devido aos objetivos que nós temos. Estamos muito focados no trabalho de base, se dedicando bastante. E cada vez mais entrosados Bruno, eu e a nossa comissão técnica. Nesta última semana estamos realizando alguns amistosos, por mais que a gente não esteja no nosso 100%, alguns times estrangeiros que são fortes no Circuito Mundial estão aqui no Rio, então estamos aproveitando para fazer esses treinos simulando jogos”, disse Evandro, que enfrentou em amistosos recentes os italianos Rossi/Carambula e os letões Samoilovs/Smedins

“A gente sabe que a gente tem que melhorar muita coisa, evoluir, estamos em busca disso, mas a gente não pode esquecer que estamos no começo, não podemos atropelar ou querer antecipar algo para não termos lesão. A ansiedade é máxima para jogar o primeiro torneio, para saber como nós estamos realmente, de condicionamento físico, de entrosamento, de parte técnica. A gente vem melhorando cada vez mais. Espero que a etapa de Maceió venha logo e que possamos jogar bem, que é o objetivo na temporada”, destacou.

Enquanto a estreia no tour brasileiro ocorre neste mês, pelo Circuito Mundial o primeiro compromisso será no início de março, na etapa quatro estrelas de Doha (Qatar). Além dos times do naipe masculino, Ágatha/Duda (PR/SE) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) também estão garantidas em Tóquio-2020 e seguem em ritmo intenso de preparação.

Foto: Divulgação/CBV

Comente

Postagem Anterior Próxima Postagem