Mundial de Badminton 2017 - Último dia

O dia foi marcado por surpresas nas finais do Mundial de Badminton, encerrado neste domingo (27) em Glasgow (GBR) e a China saiu como maior medalhista da competição.

Único europeu entre os finalistas das cinco categorias, Viktor Axelsen (DEN) finalmente foi campeão mundial ao derrotar na disputa da chave masculina o pentacampeão mundial Lin Dan (CHN) por 2-0 (22-20 e 21-19).

A última vez que um chinês não foi campeão mundial foi em 2005 e a última vez que um europeu venceu o título masculino foi em 1997, com o também dinamarques Peter Rasmussen (DEN).

Já na chave feminina, Nozomi Okuhara (JPN) surpreendeu a vice-campeã Olímpica P.V. Sindhu (IND) ao vencer por 2-1 (21-19, 20-22 e 22-20).

Nas duplas masculinas, Liu Cheng/Zhang Nan (CHN) bateram M.Ahsan/R.A. Saputro (INA) por 2-0 (21-10 e 21-17). Pela disputa de duplas femininas, Chen Qingchen/Jia Yifan (CHN) ganhou de Yuki Fukushima/Sayaka Hirata (JPN) por 2-1 (21-18, 17-21 e 21-15).

Pelas duplas mistas, Tontowi Ahmad/Liliyana Natsir (INA) ganharam de Zheng Siwei/Chen Qingchen (CHN) por 2-1 (15-21, 21-16 e 21-15).

 A China no total levou sete medalhas, sendo dois, ouros, duas pratas e três bronzes. Japão ficou com um ouro, uma prata e dois bronzes, enquanto a Indonésia ficou com um ouro e uma prata e a Dinamarca terminou com um ouro e um bronze.

Foto: Reuters



0 Comentários