Segundo jornal inglês, toda seleção russa que esteve na Copa de 2014 está sendo investigada por doping

O jornal inglês 'Daily Mail' soltou mais uma bomba envolvendo doping e russos. Segundo o jornal, todos os vinte e três jogadores que disputaram a Copa de 2014 no Brasil, estão sendo investigados por doping. Na última copa, a Rússia foi eliminada na primeira fase. E seis jogadores que estiveram na Copa estavam disputando a Copa das Confederações: o goleiro Akinfeev, os laterais Samedov e Kombarov, os meias Glushakov e Zhirkov e o atacante Kanunnikov.

De acordo com a reportagem, além dos 23, mais 11 jogadores de futebol em atividade ainda estariam na lista de mais de 1.000 suspeitos de envolvimento com o maior escândalo de doping da história do esporte, institucionalizado pelo governo russo. O "Daily Mail" afirma que a Fifa está com um dossiê detalhado sobre os atletas e que "ainda investiga as alegações", segundo um porta-voz da entidade ouvido pela publicação. 

A reportagem inglesa teve acesso a e-mails enviados ao ex-chefe do controle anti-doping da Rússia discutindo abertamente a ordem do governo de encobrir as irregularidades, inclusive com a forma como se manipularia as amostras. Em uma mensagem, o procedimento incluía diluir a urina coletada para mascarar o alto nível de esteroides.

Confrontado pela reportagem, o presidente da confederação russa Vitaly Mutko afirmou que o futebol russo está sendo perseguido pela mídia inglesa e que não existe nenhum problema de doping no futebol.


foto: Getty Images

0 Comentários