Ídolo do tênis de mesa brasileiro, Hugo Hoyama fala sobre experiência em Olimpíadas como técnico - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Ídolo do tênis de mesa brasileiro, Hugo Hoyama fala sobre experiência em Olimpíadas como técnico

Compartilhe
Ícone da história do tênis de mesa brasileiro, Hugo Hoyama também teve sensações inéditas em 2016. Um dos maiores medalhistas pan-americanos do Brasil (10 ouros) e com participação em seis Jogos Olímpicos, o ex-mesatenista esteve na Rio 2016, mas em uma função diferente. Pela primeira vez em uma Olímpica, Hoyama participou como treinador, comandando a seleção feminina, formada por Bruna Takahashi, Caroline Kumahara e Lin Gui.

Aos 47 anos, ele avaliou a experiência como sensacional e ressaltou a interação dos atletas e comissão ténica com a torcida brasileira, que lotou o Riocentro para acompanhar as partidas.

"Foi sensacional atuar como técnico nestes Jogos! Senti uma vibração muito grande e a ajuda da torcida foi muito importante. Nunca tinha visto esse tipo de coisa em uma competição. E eu também fiquei emocionado do pessoal me aplaudir. É muito legal esse reconhecimento. Claro que é um reconhecimento do que fiz como aleta, mas é muito gratificante", disse ele, lembrando que ultrapassou até por um problema de saúde para estar 100% na Cidade Maravilhosa:

"Antes das Olimpíadas, tive de passar por uma cirurgia por conta de uma diverticulite. Segurei até o pré-olímpico e, depois, operei para chegar bem à Rio 2016. Deu tudo certo e as meninas conseguiram ter bons resultados".

E Hugo Hoyama pensa longe. O treinador já avisou que quer repetir a dose em Tóquio/2020 e já demonstra ter planos para este novo ciclo olímpico que se inicia em 2017:

"Como técnico, minha missão é ajudar para que elas alcancem os resultados. E tenho planos de manter isso até Tóquio/2020. Em 2017, tem o Mundial na Alemanha e, em 2019, tem os Jogos Pan-Americanos, em Lima, Peru. Lá, queremos dar um passo à frente".

Ao falar sobre o novo expoente do tênis de mesa, Hugo Calderano, Hoyama não poupou elogios.

"O Calderano está colhendo os frutos de todo um trabalho dele e de uma comissão. Ele é uma garoto que gosta muito, esforçado e inteligente. Espero que ele consiga atingir ainda mais objetivos na carreira", concluiu.

Foto: Divulgação


Nenhum comentário:

Postar um comentário