Brasil conquista o bronze por equipes na Classe 9-10 do Aberto Paralímpico do Chile de Tênis de Mesa - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Brasil conquista o bronze por equipes na Classe 9-10 do Aberto Paralímpico do Chile de Tênis de Mesa

Compartilhe
O Brasil, com a equipe formada por Claudio Massad (23º colocado no ranking mundial da Classe 10) e Ricardo Narusawa, faturou a medalha de bronze do torneio por equipes da Classe 9-10 do Aberto Paralímpico do Chile - fator 20 do Circuito Mundial de Tênis de Mesa Paralímpico, que foi realizado em Santiago.

A disputa na Classe 9-10 foi feita em grupo único com a presença de cinco equipes, no qual o Brasil ficou em terceiro, atrás da equipe Argentina/ Chile - formado pelo argentino Dario Neira (32º na 10) e pelo chileno Manuel Echavegure - e do Chile 1, com Alvaro Vega (40º na 10) e Valentin Mendoza (34º na 9).

O primeiro confronto brasileiro foi contra a equipe de Neira e Echaveguren e o resultado não foi positivo: 2 jogos a 1 para os adversários. Depois, Massad e Narusawa tiveram de encarar o Chile 2- Gustavo Serrano (36º na 10) e Jaime Hernandéz (42º na 9) - e saíram com a vitória de 2 a 0.

Na terceira partida dos representantes do Brasil, a vitória foi sobre a equipe do Chile/ Estados Unidos, que foi representada por Sebastian Torres e Nevielle Brabrook, por 2 a 0. O último embate dos brasileiros foi contra o Chile 1. O confronto foi acirrado e o triunfo acabou sendo dos chilenos, que fecharam em 2 a 1.

O Brasil já havia conquistado uma outra medalha na competição. Claudio Massad fez grande campanha e faturou a medalha de prata no torneio individual da Classe 9-10.


Nenhum comentário:

Postar um comentário