Coluna Lance Livre: Mini guia do NBB - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Coluna Lance Livre: Mini guia do NBB

Compartilhe

Mais uma coluna, é hora de mais um miniguia, dessa vez do NBB, que passou por um furacão nessa off season. Teve times fechando as portas, outros times surgindo, e no fim, quinze equipes vão tentar buscar o título e destronar o Flamengo, atual campeão e tetra do NBB. Vamos ver como os times estão preparados para essa competição que começa dia 2, com a reedição da Final do último NBB, com Bauru e Flamengo:





Basquete Cearense - O time do Ceará quase fechou as portas, mas eles conseguiram um patrocinador e eles armaram um bom time para quem sabe aprontar nessa competição. E tomie contratou bem, com nomes como Duda Machado, Tiagão, Marcus Toledo e Leo Waskievickz. Felipe volta após uma temporada não muito boa no Pinheiros, e junto com Davi e Rashaun, o time comandado por Alberto Bial promete ser um dos bons nomes desse campeonato, aposto até que fica entre os oito primeiros.


Bauru - O atual vice campeão  passou por um furacão na pré temporada. O time enfrentou o Real Madrid na copa intercontinental, venceu uma partida, mas acabou sendo vice, disputou duas partidas na NBA, e mesmo com o esquema sendo elogiado pelos adversários, a diretoria achou melhor dispensar o técnico guerrinha, que estava com o Bauru desde o início da retomada das atividades, em 2008 e contratou para o seu lugar Demétrius, que estava no Minas. A base do time é a mesma da temporada passada, só saíram Larry Taylor e Gui Deodato. Só foi contratado Paulinho Boracini e Léo Meindl, e uma garotada foi promovida para fazer parte do banco do time.No mais, Alex, Jefferson William, Murilo, Hettsheimeir e Robert Day continuam no time, que deve ter uma nova estrela. Ricardo Fisher jogou muito na pré temporada e será o timoneiro desse time de Bauru, que mesmo sem o Guerrinha é favorito ao título.

Brasília - O tricampeão do NBB busca retomar seu caminho de glórias. Após ficar nas quartas de final nas duas últimas temporadas, o Brasília vem forte. José Carlos Vidal voltou a comandar o time, que tem Guilherme Giovanoni como líder na quadra. Nomes como Jefferson Campos, Pilar e Deryk Ramos foram contratados para dar mais força ao elenco que já tinha Fúlvio, Cipolini, Arthur e Ronald. É um Brasília forte, que se aproxima daquele Brasília que disputava títulos. Deve brigar pelo título, mesmo correndo por fora.

Caxias do Sul - O time gaúcho é novidade desse NBB. é um time que mescla jovens jogadores com veteranos e terá em Gustavinho, ex- Mogi,e Guto, ex -Palmeiras como principais jogadores. Como primeira temporada, lutar para entrar  nos playoffs é o melhor dos cenários para o time gaúcho,para dar quem sabe buscar voos maiores nas próximas temporadas.


Flamengo - O atual campeão se reformulou. Perdeu dois dos principais alicerces do time, Laprovittola e Vitor Benite, que foram jogar na Europa, Herrmann, que voltou a jogar na Argentina e Cristiano Felício que foi jogar pelo Chicago Bulls na NBA.. Mas nomes como Marcelinho, Gegê, Marquinhos, Olivinha e Meyinsse, continuam na equipe. As contratações foram boas, nomes de seleção como Rafael Luz, JP Batista e Rafael Mineiro, e o americano Jason Robinson mantém o time do Flamengo do técnico José Neto entre os favoritos da competição.


Franca - O time francano passou o aperto de quase não conseguir completar a temporada passada. Para essa, os objetivos são bem mais modestos, pois orçamentos está bem curto. Mas isso não deixa fazer o tradicional time de Franca sonhar. E eles vão ser liderado por um dos jogadores que o pessoal de Franca mais odiava: Nezinho, que ficou sem time após o Limeira fechar, vai liderar o jovem time de Franca. A chance de estar nos playoffs é boa, mas acho difícil que seja entre os oito primeiros. Mas Franca é Franca, eles podem dar um jeito de superar a inexperiência e brilhar.


Liga Sorocabana - A Liga sorocabana contou os abandonos de Limeira e Palmeiras para se manter no NBB, mas os objetivos ainda são modestos. Uma luta por uma vaga nos playoffs não está descartada, mas a liga espera ao menos não ser o último colocado. É um elenco jovem e nomes como Chupeta, Jefferson Socas e se juntam a Neto, que vai ser o principal jogador desse time. Os americanos da vez, Grandingo e Ridley são as esperanças de remontar os velhos tempos de Holloway e Dawkins.


Macaé - O Macaé é outro time que fez bonito no último NBB, mas está bem mais modesto para essa edição. Seu principal jogador, Jamaal, migrou para o São José e deixou os macaenses órfãos de um craque.O candidado mais provável para substituir Jamaal no coração dos torcedores é o também americano Caleb Brown. O experiente Marcio Dornelles continua na equipe. Eddy e João Phyllipe Também. mosso foi contratado para dar força ao garrafão. Chegar aos playoffs é possível, mas surpreender como fez na temporada passada fica mais difícil.



Minas - O Minas acabou perdendo um dos responsáveis pela boa temporada passada, o técnico Demétrius, que foi para o Bauru. Técnico do Sub22, Cristiano Grama, assume a equipe, que é quase a mesma da temporada passada. O experiente Shilton continua no garrafão e os jovens destaques Henrique Coelho e Danilo Siqueira continuam como destaques. o time ainda contratou um ala australiano, Kerrich-Drew e um armador portorriquenho, Isac Sosa, para dar mais profundidade ao elenco para no mínimo, repetir a ótima campanha do NBB passado.


Mogi - O Mogi foi outro time que ficou sem técnico antes do NBB. Paco Garcia saiu do time e Danilo Padovani, que era seu auxiliar, assume o bom time mogiano. Os Destaques Paulão e Shamell ganharam o reforço de Larry Taylor, o que promete ser um trio muito forte. Bons nomes como Gérson, Wagner, Tyrone, Elinho e Filipin continuam no time e ele, mesmo sem o seu técnico, responsável pela incrível evolução do Mogi, ainda tem boas chances de lutar pelo título. Olho no Mogi!


Paulistano - O Paulistano não gostou nada de sua última temporada e resolveu mudar bastante coisa. Só Arthur, Gemerson e Dawkins permaneceram no elenco comandado por Gustavo de Conti. vieram Valtinho, Caio Torres, Jason Smith, Gruber,Guilherme, Jhonathan e Toyloy. elenco totalmente renovado para mais uma vez chegar a uma final, assim como fez no NBB 13/14. Com os outros elencos fortalecidos, a briga ficará mais dificil, mas não se deve descartar o Paulistano de ao menso ficar entre os oito melhores da primeira fase.



Pinheiros - Outro time que se decepcionou no último NBB e fez uma renovação. Mineiro, Scaglia, Bennett e Holoway vão se juntar aos jovens valores como Lucas Dias e George, para conseguir almejar algo melhor no NBB. Cesar Guidetti substitui Marcel e essa temporada será de transição ficar entre os oito é um objetivo possível para a tradicional equipe paulistana.


Rio Claro - Um time tradicional do basquete brasileiro retorna para disputar o NBB. E juntou um bom time para ao menos chegar aos playoffs, com nomes como Fernando Penna, Teichmann, Dedé e Gui Deodato, além de bons nomes que se mantiveram na equipe como Eric Tatu. É um time que tem boas chances de beliscar uma vaga nos playoffs.



São José - O São José fez um profunda renovação e ela já deu resultado, pois o time já foi campeão paulista em cima do favorito Mogi. O time contratou nomes como Matheus Dalla, Jamaal, Pedro Renato Carbonara, César, além dos jovens Gabriel e Felipe Braga, podem dar muitas alegrias ao fanático torcedor joseense. Chegar em uma final é um sonho distante, mas se algum favorito bobear, uma semifinal é bem possível.



Vitória - E Se o Palmeiras saiu do NBB, o Vitória da Bahia substitui o time paulista pra ser outro clube de camisa na competição, o segundo nordestino. O time herdou o staff do Uberlândia e na quadra, o Técnico Régis Marrelli vai ter a missão de levar o time aos playoffs. O time tem como principais destaques dois estrangeiros: Kojo Mensah, que foi campeão do NBB pelo Flamengo, o espanhol Alvaro Calvo, ex-São José e o americano Jason Smith.

Palpite (furado, com certeza..rs )de como terminará a primeira fase: 1-Bauru 2- Flamengo 3- Mogi 4- Brasília 5-Minas 6- Paulistano 7- São José 8- Basquete Cearense 9-Pinheiros 10 Macaé 11- Rio Claro 12-Franca  13-Vitória 14- Liga Sorocabana 15- Caxias do Sul

Shotclock

- Viva a NBA começou. O pouco que vi até agora, eu gostei muito de ver como Miami, Chicago e Detroit começaram no leste. No Oeste, o Clippers vem com sangue nos olhos, assim como o Warriors está impossível. logo na primeira partida Sthepen Curry já meteu 40 pontos! Jesus!

- Sim, eu vou fazer um guia do LBF, aguarrrdem!

- Eu quero também fazer um breve convite, para meus queridos leitores , prestigiarem o Brasil no campeonato mundial de Corfebol, um esporte que eu já joguei e tenho muito orgulho de ver meus amigos chegarem para disputar o mundial de um esporte que não é tão conhecido no Brasil. O primeiro jogo  contra a Rússia foi hoje (escrevi essa coluna antes da partida), mas amanhã o Brasil enfrenta Austrália e domingo a Bélgica.As partidas serão transmitidas nesse link http://www.worldkorfball.org/  Vai Brasil!

Nenhum comentário:

Postar um comentário