Australian Open 2015 - Djokovic vence batalha e enfrenta Murray na final



Na manhã desta sexta, Novak Djokovic mostrou que o posto de número 1 do mundo realmente não pode ser ocupado por qualquer tenista. Em jogo que durou cerca de três horas e meia, o sérvio despachou o suíço Stanislas Wawrinka por 3 a 2, com parciais de 7/6 (7-1), 3/6, 6/4, 4/6 e 6/0, e chegou a final do Aberto da Austrália para enfrentar o britânico Andy Murray. Apesar de ter feito uma campanha irrepreensível na defesa do título, o número quatro do mundo acusou o desgaste físico no último set e foi presa fácil para o líder do ranking.


O resultado faz com que, pela terceira vez, Novak Djokovic e Andy Murray se enfrentem na final do Aberto da Austrália. Nas oportunidades passadas, em 2011 e 2013, o sérvio levou a melhor faturando o caneco. A partir das 06h30 (de Brasília) de domingo, os dois tenistas terão oportunidade de entrar na Rod Laver Arena para escrever mais um capítulo desta história.

Na manhã de sábado, teremos a final da chave feminina entre Serena Williams e Maria Sharapova.

Postar um comentário

To Top