Longe de Sochi, patinadora mantém sonho depois de posar nua: 'Sou nova' - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Longe de Sochi, patinadora mantém sonho depois de posar nua: 'Sou nova'

Compartilhe





Os Jogos de Sochi 2014 estão mais distantes, mas o sonho olímpico continua. As patinadoras polonesas Marta Wojcik e Aida Bella não mediram esforços para buscar patrocínios e ajuda financeira para estar na próxima edição das Olimpíadas de Inverno. Mesmo admitindo as poucas chances de ir aos Jogos, diante dos resultados obtidos nas classificatórias, Marta considera o ensaio de capa de uma revista masculina do país um sucesso sem precedentes.

- Nossa modalidade não é popular na Polônia, como por exemplo o futebol. É por isso que não temos tanto dinheiro. Depois da Playboy, as coisas ao redor de mim e da Aida estão ficando mais populares. As pessoas estão perguntando sobre o que é a patinação. Essa foi a melhor propaganda para termos mais apoio ao esporte - disse Marta Wojcik, em entrevista ao GLOBOESPORTE.COM.

A distância de Sochi, no entanto, não significa o fim da busca por uma vaga olímpica. Com apenas 21 anos, Marta garante que continuará seguindo o objetivo de disputar patinação em velocidade no evento mais importante.
- O time polonês terá apenas um lugar. É triste mas é verdade. Eu ainda sou nova e treino por muito tempo. Não estou preocupada porque continuarei tentando ir para os próximos Jogos Olímpicos - disse.


As fotos que estamparam a edição de novembro da revista masculina agradaram tanto à opinião pública quanto às atletas. Marta e Aida aparecerem em poses que contextualizam o esporte, já que usaram patins de gelo em alguns dos cliques.

- Não ouvi muitos comentários ruins sobre a revista. Então, estou muito feliz. Recebemos muitos recados das pessoas e todos dizem que fizemos um trabalho incrível. Estava nervosa, mas quando vi as fotos pela primeira vez fiquei muito animada. Eu acho que ficou da melhor forma possível - avaliou a patinadora.
O resultado agradou tanto que Marta Wojcik, inclusive, não descarta trilhar o caminho diante das câmeras. Ela revela que cogita a possibilidade de tentar, em um futuro próximo, outros trabalhos fora do esporte.
- Eu gostaria de trabalhar como modelo. Durante a sessão de fotos, os fotógrafos da revista disseram que eu deveria tentar algo nessa área porque a câmera ''gosta de mim''. Vamos ver. Eu não recebi nenhuma proposta ainda - contou.
A busca por uma posição na zona de classificação para os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, na Rússia, vai até janeiro. O evento começa, oficialmente, no dia 7 de fevereiro.

Fonte: Globoesporte.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário