Quem vai ficar com o Estádio Olímpico de Londres?

                          Quem vai ficar com o Estádio depois dos Jogos?

            O centro de toda olimpíada é o seu Estádio Olímpico, onde acontecem as provas de atletismo e as cerimônias de abertura e encerramento. Onde se concentram as atenções de bilhões de pessoas de todo o mundo.
            Mas a pergunta que fica é: quando terminam os jogos, qual o destino dos estádios? Por exemplo,  o estádio usado em Barcelona foi utilizado pelo R.C.D Espanyol por 17 anos, O Ninho do Passaro de Pequim é aberto para visitação pública. Mas e o estádio de Londres? o que acontecerá com ele?
          O estádio foi concebido para ter capacidade para 80.000 pessoas nos jogos, mas será reduzido para 60.000 espectadores por motivos de sustentabilidade do estádio.
         Em 2010 foram escolhidas duas propostas para ficar com o estádio após os jogos. a primeira em conjunto pelo Tottenham Hotspur e AEG e a outra pelo West Ham United e Newham Council. Desde o começo a proposta do West Ham era a favorita, por manter a pista de atletismo intacta (ponto central de parte da polêmica) e um plano de 100 milhões de libras para manter o estádio com 60.000 espectadores e capaz de sediar jogos de cricket, futebol americano e alem do próprio atletismo.
        O OPLC (Comitê do Legado do Parque Olímpico) escolheu de forma unânime, em 11 de fevereiro de 2011, a proposta do West Ham como a proposta vencedora.
        Mas aí acabou a tranquilidade das coisas. O Leyton Orient (clube da terceira divisão inglesa) acusou que como o estádio olímpico era muito próximo do seu campo, o que fere as regras da federação inglesa, essa mudança do West Ham poderia levar o pequeno clube londrino a falência.
        As coisas se complicam ainda mais quando Tottenham e Leyton Orient entram em conjunto com uma revisão judicial para reverter a decisão do OPLC. O Tottenham desistiu da revisão, mas o Leyton Orient persistiu e a revisão judicial foi concedida em 18 de outubro de 2011. Entretanto, uma semana antes, a venda   para o West Ham fracassou. Agora, ao invés de ser vendido, ele será arrendado ao clube que o OPLC escolher. West Ham e Leyton Orient permanecem na disputa.
        Nunca existiu tanta confusão em relação a quem vai ficar com um Estádio Olímpico, como o dos jogos de 2012. O caso do estádio de Londres daria um ótimo livro de William Shakespeare, não acham?
     

   
     


Fonte: Wikipedia       

0 Comentários