Lançadora Tatyana Chernova tem novos resultados anulados por doping, mas pode voltar às competições


O julgamento da russa Tatyana Chernova foi concluído após ela ter aceitado ter violado regras anti-doping baseadas em evidências trazidas pelo Relatório McLaren, que expôs a prática de doping nos laboratórios russos. A atleta do heptatlo teve então todos seus resultados de 21 de julho de 2015 a 5 de fevereiro de 2016 suspensos.

Ela não tinha participado de nenhuma competição internacional neste período e o caso serve principalmente para dar um fim ao seu caso que já perdurava alguns anos. Todos resultados entre 17 de agosto de 2008 e 5 de fevereiro de 2016 foram anulados, o que significou a perda das medalhas de bronze nas Olimpíadas de Pequim-2008 e Londres-2012 e ainda o título mundial de 2011, além do bronze no mundial indoor de 2010 e o ouro na Universiade.

A esportista de 31 anos já serviu uma suspensão de quatro anos, o que significa que ela pode voltar a competir, ainda que a Federação Russa siga banida pela IAAF e os atletas russos precisam ser autorizados individualmente a competir como atletas neutros.

Foto: IAAF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes