CPB anuncia patrocinadora japonesa para o ciclo até Tóquio 2020





O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e a Ajinomoto do Brasil anunciara, na terça-feira, 7, uma parceria rumo aos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020. A multinacional japonesa será apoiadora oficial da entidade até dezembro de 2020, quando se encerra o ciclo paralímpico. Entre as ações conjuntas, o apoio prevê o suporte no que diz respeito à nutrição e aos benefícios da ingestão de aminoácidos para atletas de alto rendimento.

"O esporte é uma poderosa ferramenta de inclusão social e de respeito ao cidadão, e os Jogos Paralímpicos chamam a atenção global para os desafios, a garra e o poder de superação dos atletas paralímpicos em todo o mundo", disse Mizael Conrado, presidente do CPB e bicampeão paralímpico de futebol de 5 (para cegos). "O apoio de uma grande empresa como a Ajinomoto do Brasil nos enche de orgulho e reforça a seriedade do nosso trabalho para que cada vez mais os pódios sejam verdes e amarelos."

"A partir de agora, reforçaremos ainda mais nosso apoio ao esporte nacional, apoiando também os paratletas brasileiros. Vamos aplicar a experiência que temos em nutrição e aminoácidos nessa jornada paralímpica”, comenta Masayoshi Kurosaki, presidente da Ajinomoto do Brasil. “Queremos traduzir na prática nossa mensagem corporativa ’Alimente-se Bem, Viva Bem’, ao lado desses grandes heróis."

O Comitê Paralímpico Brasileiro tem como meta manter-se no Top 10 do quadro de medalhas nos Jogos de Tóquio 2020, feito alcançado no Rio 2016 com 72 pódios. É importante destacar a evolução da delegação brasileira que, nos Jogos de Sydney 2000, por exemplo, havia ficado com a 24ª posição, com 22 medalhas.

Desde 2003, a matriz do Grupo Ajinomoto, com sede no Japão, é parceira do Comitê Olímpico Japonês e atua com o Projeto Vitória, iniciativa que oferece suporte nutricional aos atletas japoneses. O apoio ao CPB está em linha com a implementação desse projeto no Brasil.

No Japão, a companhia detém os direitos nominais do centro de treinamento e ciência do esporte do Comitê Olímpico Japonês (Ajinomoto National Training Center) e, desde 2009, utiliza sua tecnologia e know-how em nutrição e aminoácidos para conduzir atividades para melhorar a competitividade dos atletas olímpicos do país.

Foto: CPB

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes