Grand Slam de Judô - Etapa de Osaka: Dia 02

No segundo dia do Grand Slam de Osaka, na madrugada deste sábado, o Japão continuou brilhando e alcançou o número de 24 medalhas. O Brasil, mesmo estando no top 10 (um 5º e três 7º lugares), teve um desempenho abaixo do esperando, não chegando sequer a disputar medalhas. Rafaela Silva, campeã olímpica e maior esperança do dia para o país, parou logo na primeira luta, sofrendo um revés para búlgara Ivelina Ilieva. Maria Portela foi quem chegou mais longe, caindo nas quartas de finais, mas parou na primeira luta da repescagem, ficando com o 7º lugar.

MASCULINO

(-73kg)

Dois judocas brasileiros disputaram a categoria. Marcelo Contini iniciou as disputas na segunda rodada e enfrentou de cara um japonês, o Rentaro Nogami. A luta foi dura e longa, decidida nas punições, já no Golden Score, com derrota para o brasileiro.

Eduardo Barbosa era o outro brasileiro nas disputas. Ele iniciou sua jornada direto na segunda rodada e com vitória sobre Jeffrey Ruiz (PUR). Porém, na terceira rodada foi barrado pelo sueco Tommy Macias, ficando fora da fase final.

A medalha de ouro ficou com Shohei Ono (JPN) que, na final, venceu seu compatriota Masashi Ebinuma. As medalhas de bronze acabaram com o próprio Tommy Macias (SUE) e com outro japonês, Arata Tatsukawa.

1. ONO, Shohei (JPN)
2. EBINUMA, Masashi (JPN)
3. TATSUKAWA, Arata (JPN)
3. MACIAS, Tommy (SWE)
5. SMAGULOV, Zhansay (KAZ)
5. MARGELIDON, Arthur (CAN)
7. KANG, Heoncheol (KOR)
7. CILOGLU, Bilal (TUR)

(-81kg)

Sem brasileiros na disputa, a categoria rendeu mais medalhas para os japoneses. O ouro ficou com Takeshi Sasaki (JPN) e a prata com Kenya Kohara (JPN). Na luta pelo bronze, Takanori Nagase (JPN) e Vedat Albayrak (TUR) saíram vitoriosos e garantiram as medalhas.

1. SASAKI, Takeshi (JPN)
2. KOHARA, Kenya (JPN)
3. NAGASE, Takanori (JPN)
3. ALBAYRAK, Vedat (TUR)
5. ZOLOEV, Vladimir (KGZ)
5. EGUTIDZE, Anri (POR)
7. DE WIT, Frank (NED)
7. LEE, Seungsu (KOR)

FEMININO

(-57kg)

Grande expectativa para o desempenho de Rafaela Silva, campeã olímpica. Contudo, a brasileira perdeu logo na primeira luta para a búlgara Ivelina Ilieva.

A canadense Jéssica Klimkait furou o bloqueio japonês e conquistou, de forma incontestável, a medalha dourada. Ela teve em seu percurso que lutar contra três japoneses e não deu chance a nenhuma delas. Na final, venceu Momo Tamaoki (JPN). As medalhas de prata ficaram com Haruka Funakubo (JPN) e Youjeong Kwon (KOR). Só lembrando que a canadense tirou Rafaela Silva do mundial deste ano e, na final do Grand Prix de Cancún, foi derrotada pela brasileira.

1. KLIMKAIT, Jessica (CAN)
2. TAMAOKI, Momo (JPN)
3. FUNAKUBO, Haruka (JPN)
3. KWON, Youjeong (KOR)
5. DEGUCHI, Christa (CAN)
5. YOSHIDA, Tsukasa (JPN)
7. KIM, Jisu (KOR)
7. DORJSUREN, Sumiya (MGL)

(-63kg)

Alexia Castilhos representou o Brasil nesta categoria. Na luta inaugural, venceu Chang SU (CHN). Contudo, na rodada seguinte, sofreu o revés para a atleta Tina Trstenjak (SLO).

Todas as atletas que subiram no pódio eram japonesas. Quatro medalhas a mais para os donos da casa no quadro geral. Masako Doi ficou com a medalha de ouro ao derrotar Nami Nabekura na final. Aimi Nouchi e Miku Tashiro ficaram com o bronze.

1. DOI, Masako (JPN)
2. NABEKURA, Nami (JPN)
3. NOUCHI, Aimi (JPN)
3. TASHIRO, Miku (JPN)
5. GWEND, Edwige (ITA)
5. TRSTENJAK, Tina (SLO)
7. DEL TORO CARVAJAL, Maylin (CUB)
7. BAZYNSKI, Nadja (GER)

(-70kg)


Na categoria até 70kg, Maria Portela defendeu as cores brasileiras no Japão. Ela iniciou sua caminhada na segunda rodada. Venceu Elisavet Teltsidou (GRE). Nas quartas, deparou-se com a japonesa Saki Niizoe e foi derrotada, indo para a repescagem. Na busca pela medalha de bronze, a brasileira enfrentou Maria Bernabeu, uma de suas grandes algozes, e mais uma vez foi derrotada pela espanhola, ficando fora das disputas por medalhas.

O ouro mais uma vez ficou com o Japão. Chizuru Arai. Anna Bernholm (SUE) ficou com a prata. Os bronzes foram para Saki Niizoe (JPN) e Margaux Pinot (FRA).

1. ARAI, Chizuru (JPN)
2. BERNHOLM, Anna (SWE)
3. NIIZOE, Saki (JPN)
3. PINOT, Margaux (FRA)
5. ONO, Yoko (JPN)
5. BERNABEU, Maria (ESP)
7. RODRIGUEZ, Elvismar (VEN)
7. PORTELA, Maria (BRA)

Amanhã será a última chance do Brasil de conquistar medalhas. Rafael Macedo (90kg), Rafael Buzacarini (100kg), Rafael Silva "Baby" (+100kg) e Beatriz Souza (+78kg) subirão ao tatame.

Foto: IJF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes