Era Uma Vez... os X Jogos Olímpicos de Inverno: Grenoble 1968

Grenoble 1968

Período - 6 a 18/02/1968
Nações - 37
Atletas - 1158
Esportes -10
Eventos - 35



Depois de 44 anos, a França voltava a receber os Jogos Olímpicos de Inverno, e a casa da vez era a cidade de Grenoble,que derrotou Calgary (CAN) e Lahti (FIN). Grenoble era lugar com localização privilegiada: na parte francesa dos Alpes Europeus. 37 nações estariam presentes na festa, com uma novidade: a primeira vez em que uma Olimpíada de inverno seria transmitida em cores.

Outra novidade, mas no campo político-esportivo: o COI permitiu pela primeira vez a participação separada da Alemanha, que à época estava dividida em Oriental e Ocidental. Na disputa particular entre as duas, vitória dos ocidentais: 2 ouros a 1 em cima dos orientais.

Na liderança do quadro de medalhas, a Noruega retomou a coroa de potência dos esportes de inverno, conquistando seis ouros. A União Soviética ficou logo atrás, com 5 ouros; e os franceses terminaram em 3°, com 4 ouros, 3 pratas e 2 bronzes.

FATOS:


- Em Grenoble tivemos a primeira olimpíada a adotar um mascote, mesmo de maneira não-oficial. Seu nome era Schuss, uma figura que vestia esquis.

- O grande nome de Grenoble-1968, Jean-Claude Killy venceu todos os eventos de Esqui Alpino dos homens, após grande controvérsia. O rival de Killy, Karl Schranz (AUT) afirmou que um voluntário dos Jogos teria cruzado seu caminho durante a corrida de slalom, fazendo-o cair na sua descida. Uma nova descida fora concedida ao austríaco, e Schranz bateu o tempo de Killy. No entanto, os juízes desclassificaram Schranz e deram a vitória a Killy.

- Pela primeira vez tivemos testes anti-doping e de gêneros para os atletas em Olimpíadas de inverno.

- O lendário piloto italiano de bobsled Eugenio Monti venceu os eventos de dois homens e quatro homens sendo capitão em ambos.

- Toini Gustafsson, da Suécia, estrelou o esqui cross country feminino, conquistando duas corridas individuais e ganhando uma medalha de prata no relé. Lyudmila Belousova e Oleg Protopopov, um casalda URSS, defenderam com sucesso seu título de patinação artística.

- O Vladimir Belousov da URSS e Jiri Raska da Tchecoslováquia ganharam ouro e prata no salto em esqui em grandes colinas. Ao fazê-lo, ambos pularam mais de 100m pela primeira vez na história dos Jogos. Jiri Raska também ganhou o evento normal de salto de esqui na colina.

- Todos as provas de bobsled tiveram que ser programadas para começar antes do nascer do sol e acabar pouco depois do amanhecer porque a pista em L'Alpe d'Huez foi projetada com capacidade de resfriamento insuficiente e não conseguia manter o gelo sólido durante a luz do dia.


Confira o quadro completo de medalhas, logo abaixo: 


 Ordem  País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze GoldSilverBronze medals.svg
1 Noruega Noruega 6 6 2 14
2 União Soviética União Soviética 5 5 3 13
3 França França 4 3 2 9
4 Itália Itália 4  0 0 4
5 Áustria Áustria 3 4 4 11
6 Países Baixos Holanda 3 3 3 9
7 Suécia Suécia 3 2 3 8
8  Alemanha Ocidental 2 2 3 7
9 Estados Unidos Estados Unidos 1 5 1 7
10  Alemanha Oriental 1 2 2 5
10 Finlândia Finlândia 1 2 2 5
12  Tchecoslováquia 1 2 1 4
13 Canadá Canadá 1 1 1 3
14 Suíça Suíça 0 2 4 6
15 Romênia Romênia  0 0 1 1
TOTAL 35 39 32 106


Fonte: Wikipédia


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes