Últimas Notícias

Lituânia passa sufoco mas vence Costa do Marfim no Pré-Olímpico de Basquete

 

Lituânia vence no sufoco e avança para semifinal. Foto: FIBA

No segundo dia do Pré-Olímpico de Basquete de San Juan, a Lituânia venceu e garantiu a vaga na próxima fase. Jogando em casa, Porto Rico não deu chances ao Bahrein, venceu com 43 pontos de frente e já garantiu vaga nas semifinais. A última rodada da fase preliminar acontece nesta quinta (4) e define a última vaga disponível para o mata-mata.

A Lituânia precisou suar a camisa para derrotar a Costa do Marfim por 97-93. A menos de três minutos do fim do 4º período, os europeus estavam seis pontos atrás no placar. O sangue frio de Marius Grigonis e o excelente aproveitamento coletivo na reta final garantiram a vantagem e a vaga nas semifinais para o time letão. Domantas Sabonis foi o cestinha com 22 pontos e 9 rebotes.

Os porto-riquenhos não tiveram dificuldades para vencer a frágil equipe do Bahrein por 99-56. E isso se desenha nos placares das parciais: 19-4, 20-15, 31-23, 29-14. Stephen Thompson Jr. foi o cestinha com 20 pontos, com outros três atletas chegando a dois dígitos. Os asiáticos erraram as primeiras 14 tentativas de cesta de três pontos, e o aproveitamento foi melhor para os latinos (50%).

Nesta quinta (4), a Costa do Marfim enfrenta o México e quem vencer garante a última vaga do grupo A para as semifinais. No grupo B, Porto Rico e Itália se encaram para definir a primeira posição do grupo (quem perder enfrenta a Lituânia).


0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar