Últimas Notícias

Marcos Miranda é o novo assistente da seleção masculina de vôlei

 

Novo assistente da seleção durante treinamento
Créditos: CBV

Marcos Miranda está de volta a Seleção Brasileira de Vôlei. O treinador é o novo assistente-técnico da seleção masculino, assumindo o lugar que estava vago desde a demissão de Carlos Schwanke. O primeiro desafio de Marcos será o Pré-Olímpico no final do mês.

O anúncio da chegada do novo assistente foi feito pela Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) dias depois da derrota para Argentina no Sul-Americano de Vôlei. Assim, Marcos Miranda marca seu retorno ao cargo, depois de 27 anos. Seu último trabalho como assistente-técnico acontece em Atlanta 1996. Antes disso, foi integrante da comissão técnica campeã em Barcelona-92.

Atualmente, o treinador está a frente do Sesi Vôlei Bauru, cargo do qual continuará exercendo durante a temporada 2023-24. Na última temporada, foi eleito melhor treinador da Superliga, quando esteve a frente do Bauru.

Marcos Miranda possui vasto currículo no mundo do vôlei. Além do título em 92, participou da comissão técnica feminina em 1988, nas Olímpiadas de Seul, e em 2004 como treinador de no vôlei de praia.

A seleção masculina vive momento de pressão por resultados. Além do vice-campeonato do torneio continental, depois de 33 anos, o Brasil foi eliminado das Ligas das Nações nas quartas de final, quando foi derrotado para Polônia. Assim, entre os dias 30 de setembro a 8 de outubro irá buscar uma vaga em Paris-2024, no Pré-Olímpico.

0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar