Últimas Notícias

CAMPEÃS! Brasil vence Estados Unidos e conquista Americup de basquete de forma invicta

FIBA/Divulgação


Depois de doze anos, o O Brasil volta a ser campeão das Américas no basquete feminino. A seleção brasileira enfrentou na decisão os Estados Unidos, que veio com uma seleção formada por jogadoras universitárias, neste domingo (9) em Leon no México e venceu por 69 a 58 para ficar com o título continental, o que não acontecia desde 2011. 

Este foi o sexto título continental na história do basquete feminino brasileiro  e este título no México tem um sabor especial, pois foi conquistado de forma invicta, sete vitórias em sete jogos. Agora a seleção volta suas baterias para o pré-olímpico mundial, onde vai brigar pela vaga olímpica para Paris

A pivô Kamilla Soares foi o grande nome da seleção com um duplo duplo de 20 pontos e 11 rebotes. Manu com 13 pontos e Damiris com 11 pontos, foram outros destaques da nossa seleção. Entre as estadunidenses, Rickea Jackson marcou 22 pontos e Lauren Betts marcou 11 pontos e pegou 10 rebotes


O Jogo 

O Brasil começou mais ligado no jogo e abriu seis pontos de vantagem. em um confronto muito marcado pelas fortes defesas, os Estados unidos teve trabalho, mas conseguiu anular o ataque brasileiro virou o placar a tempo de fechar o quarto na frente por dois pontos - 16 a 14.

No segundo quarto, Érika acabou sofrendo sua segunda falta técnica, sendo ejetada do jogo. Apesar do desfalque, o Brasil soube jogar bem coletivamente e só não terminou o primeiro tempo empatado porque os Estados Unidos conseguiu uma cesta no estouro do cronômetro com Rickea Jackson, melhor jogadora disparada da seleção estadunidense - 37 a 35.

No terceiro quarto, o Brasil voltou mais ligado no ataque e na defesa, com Kamila Cardoso comandando as ações em quadra e dominando o garrafão. Com isso, as comandadas de José Neto viraram o jogo e abriram vantagem, sem os Estados unidos conseguindo achar uma resposta ofensiva para voltar ao jogo - foram apenas 10 pontos no quarto, com o Brasil indo para o último quarto com 13 pontos de frente - 60 a 47.

No último quarto, o jogo ficou mais nervoso e o placar demorou a ser alterado e ainda assim, foram poucas vezes na primeira metade do quarto final. Com isso, o Brasil foi conseguindo manter  a vantagem até os minutos finais, quando os Estados Unidos indo para o tudo ou nada, marcando a quadra toda na busca de forçar os erros da nossa seleção, mas não foi suficiente, o Brasil soube segurar o ímpeto estadunidense para vencer por 69 a 58 e ficar com o título da Americup.

Kamila Soares foi o grande nome da competição, levando o prêmio de MVP das finais e da Competição. Ela também completou o quinteto ideal da Americup ao lado de Damiris, Rickea Jackson, Kayla Alexander (CAN) e Arella Guirantes (PUR).



0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar